segunda, 23 de abril de 2018

Cookies Red Velvet

1 Comentário

Tudo que é red velvet é lindo demais, né? O colorido vermelho fica fantástico visualmente, e a mistura de baunilha com um leve toque de cacau também é outra maravilha – para a boca.
Já tinha um tempinho que eu queria fazer cookies red velvet. Na verdade, queria um que tinha açúcar por cima para formar um craquelado quando assasse, mas acabei optando por gotinhas de chocolate branco – just because yes.

Cookies red velvet

Cookies red velvet
Esses cookies tem duas versões que vão da preferência do cliente: úmidos no centro e levemente grudentinhos no dente, ou completamente crocantes.
Eu pessoalmente amo o modelo grudentinho. Acho mais viciante – inclusive, acabei comendo uns 3 cookies quando fui provar. “Provar”. Mas se você gosta da versão crocante, não tem nenhum problema, está certo igual: é só deixar assar mais tempo, sem que queimem.

Cookies red velvet

Cookies red velvet
Siga a receita direitinho que não tem erro! ;)

Cookies Red Velvet
Rende: 40 cookies de 1 colher de sopa cada

2 xícaras + 1 colher de sopa (290g) de farinha
2 1/2 colheres de sopa (18g) de cacau em pó
1 1/2 colher de chá (4g) de amido de milho (maizena)
3/4 colher de chá (4g) de bicarbonato de sódio
uma pitada de sal
180g de manteiga
1 1/2 xícara (300g) de açúcar
1 1/2 colher de chá (8ml) de vinagre branco
1 colher de sopa de extrato de baunilha
1 colher de sopa de corante vermelho (em gel ou líquido)
1 ovo
1 gema
1 xícara (200g) de gotas de chocolate branco
+ gotinhas de chocolate branco para colocar por cima dos cookies

1 – Em uma tigela, bata a manteiga e o açúcar até obter um creme bem misto, fofinho e mais claro. Adicione o ovo e a gema e bata mais uma vez, até misturar tudo.
2 – Adicione o extrato de baunilha, o vinagre e o corante e bata mais uma vez, para misturar tudo.
3 – Peneire por cima da tigela a farinha, o cacau, o sal, o bicarbonato e o amido de milho, tudo junto. Tampe a tigela da batedeira com um pano para não voar farinha pela cozinha, e ligue na velocidade mais baixa. Misture até que a farinha esteja incorporada, então bata por uns 30 segundos, o suficiente para misturar bem.
4 – Acrescente as gotinhas de chocolate branco e misture mais uma vez, de leve. Deixe a tigela na geladeira por 30 minutos enquanto pré-aquece seu forno – a 180˚C.
5 – Cubra a fôrma com papel manteiga ou com um silpat e distribua os cookies com um espaço de pelo menos 3cm entre cada bolinha. Bolinhas de uma colher de sopa são suficientes pra cookies bem grandes, já que eles espalham. Coloque mais gotinhas de chocolate por cima da massa antes de levar pro forno.
6 – Asse por 9 minutos a 190˚C. Se você quiser cookies mais crocantes, deixe por 12 minutos. Em 9 minutos, eles ficam com o centro meio grudentinho, eu prefiro assim! Se você for deixá-los mais crocantes, recomendo que só coloque as gotinhas extras de chocolate na metade do tempo de assar. Retire do forno e espere esfriar completamente antes de servir!

Cookies red velvet

Cookies red velvet

sexta, 08 de fevereiro de 2013

Cupcakes Red Velvet

329 Comentários

Dia 14 de fevereiro, algumas vezes chamado de Dia de São Valentim e comumente conhecido nos EUA como Valentine’s Day. É um dia que representa mais do que casais enamorados que querem expressar seu amor pro mundo, mas também é um momento para demonstrar aos mais próximos o quanto eles são queridos. Presentes são feitos, abraços são dados, olhares são trocados e cartinhas são escritas – e talvez entregues, ou vão para aquela gavetinha do “nunca mais encoste, é vergonhoso demais”.

cupcakes_red_velvet2
Uma coisa legal por lá é a troca de cartões. Desses decorados, com corações, glitter e coisinhas penduradas. Sempre tem alguém fantasiado de cupido andando pela escola ou faculdade, entregando cartões de destinatários misteriosos com elogios fofos. É difícil alguém usar essa oportunidade para zoar com a cara de alguém, porque é uma data respeitada.
E, no meio de todos esses corações voando pelo ar, eu, Mirella, Sara e Priscila resolvemos expressar o nosso amor… pela comida. Cada uma fez uma receita nessa data, para inspirar vocês a agradar alguém que gostam, ou simplesmente comer bem.

cupcakes_red_velvetO love foi somente do Sr. Namorado, é claro.
Claro que eu fiquei encarregada de um cupcake e o que seria melhor do que alguém o famoso Red Velvet – o Veludo Vermelho – para a ocasião? Red velvet é um bolo feito com um toque de cacau em pó e corante vermelho, para ficar daquela linda cor, e geralmente acompanhando de uma generosa camada de cobertura de creamcheese. Antigamente, em tempos de racionamento de comida em guerras mundiais, alguns chefs faziam red velvet com beterraba, para chegar nesse vermelho lindo.
Então, eu quis fazer cupcakes de Red Velvet – mas sem a beterraba, detesto beterraba. Procurei duas receitas para testar, porque realmente é difícil achar uma que fique boa: com o sabor de cacau sendo leve, mas marcante, e com uma textura aveludada, como sugere o nome. Meu veredicto: o melhor cupcake de Red Velvet que já comi, logo abaixo. Vejam antes as receitinhas das meninas, tá cada coisa mais gostosa que a outra:

mosaico_valentines_day
Mini cheesecake de laranja, no Fica, Vai Ter Sobremesa!
Medalhões de Filé Mignon com Mix de Cogumelos e Mostarda em Grãos, do Cozinha em Cena.
Iogurte de ricota e mel, no Culinarístico.

Cupcakes apaixonantes de Red Velvet
Receita do Tartelette.
Rende: 10 cupcakes ou mais

1 1/4 de xícaras de farinha
3/4 de xícara de açúcar
1/2 colher de chá de sal
1 colher de chá de cacau em pó
1/2 xícara de óleo vegetal (preferencialmente de canola)
1/2 xícara de buttermilk
1/2 colher de chá de extrato de baunilha (caseiro é mais gostoso!)
1 ovo
1 colher de sopa de corante líquido vermelho
1/2 colher de chá de bicarbonato de sódio
1/2 colher de chá de vinagre branco

1 – Ligue seu forno em 180˚C. Em uma tigela grande, peneire a farinha, o sal e o cacau. Acrescente o açúcar e misture bem.
2 – Em outra tigela ou em um medidor de líquidos, bata o ovo com um garfo. Então, acrescente o buttermilk, o óleo, o extrato de baunilha e o corante. Misture bem e tome cuidado para não se manchar de vermelho!
3 – Adicione os ingredientes líquidos aos secos e misture com uma espátula. Faça delicadamente e evitando mexer muito, para que a massa não fique dura, seca e solada.
4 – Em uma pequena tigela, coloque o bicarbonato de sódio. Agora, é preciso ser rápido: adicione o vinagre e rapidamente, enquanto borbulha, adicione à massa. Misture com a espátula imediatamente.

passoapasso_cupcake_red_velvetAdoro a química da culinária.
5 – Separe em 10 forminhas, enchendo 2/3 de cada uma, ou em tantas que conseguir com o que a sua massa rendeu! Asse por 16 minutos ou até que um palito inserido no centro de cada um saia limpo.

Cobertura de creamcheese
Rende: 10 cupcakes como na foto

100g de manteiga sem sal

Um tiquinho de sal

1 xícara de açúcar impalpável

1/2 colher de chá de extrato de baunilha

110g de creamcheese, em temperatura ambiente

1 – Corte o creamcheese em pequenos pedaços, do tamanho de colheres de chá. Em uma tigela, peneire o açúcar impalpável.

2 – Bata a manteiga por 2 minutos, até que esteja bem lisa e uniforme. Adicione o sal, a baunilha e todo o açúcar. Bata novamente, em velocidade baixa, até incorporar o açúcar, ou ele vai espirrar na cozinha toda. Quando incorporar, aumente a velocidade para o médio e bata por 2 minutos.

3 – Adicione os pedaços de creamcheese, um de cada vez, batendo entre cada adição. Não bata demais, somente o suficiente para misturar o creamcheese. Se você bater demais, a cobertura vai começar a separar.

4 – Prove a cobertura: se achar pouco doce, acrescente mais açúcar peneirado, aos poucos.

5 – Leve à geladeira por alguns minutos. Depois de uns 8 minutos, retire da geladeira e misture com uma espátula. Decore com uma espátula ou com uma colher.

cupcakes_red_velvet3
Para repetir o efeito que eu fiz, eu desfiz um cupcake inteiro em farelinhos e passei somente nas bordinhas de cada um. Em outros, salpiquei por cima. No cupcake para o seu amor, é só derreter um pouco de chocolate branco, colorir com corante de óleo vermelho, colocar num saco de confeitar e escrever “love”, “amor”, “te amo” ou o que você quiser!
E viva os corações apaixonados!

Dicas:
– Usei corante líquido para a massa, mas se você só tiver em gel, diminua para 1/2 colher de sopa. Corante em pó não dá a cor necessária para o cupcake.
– Já para colorir o chocolate branco, nunca use corante líquido ou em gel. O ideal é corante com base de óleo, específico para chocolate. Vende em lojas de confeitaria. Se não achar, faça com chocolate meio amargo ou ao leite, que fica lindo do mesmo jeito!

Quem você vai agradar no Valentine’s Day desse ano?

Edição em 28/02: depois de algumas pessoas comentarem da quantidade de óleo, resolvi diminuir para 1/2 xícara, ao invés dos 3/4 de antes. Não tem problema nenhum alterar isso!

Ju Morgado

Sou uma jornalista com mais paixões do que o tempo me permite cultivar. Descobri na cozinha meu paraíso, meu refúgio depois de um dia cansativo ou estressante. É quase um vício, realmente. Não apenas cupcakes, mas qualquer coisa que eu ache interessante, desafiante ou divertido de fazer. Apesar do nome do blog, não é só de cupcakes que eu vivo. Amo fazer risotos, de todos os sabores, e simplesmente amo qualquer receita que envolva qualquer tipo de queijo.

A história do Cupcakeando

Não sei bem quando ou porquê eu comecei a me interessar por cozinhar. A lembrança mais antiga que tenho é de minha mãe me puxando para a cozinha, para me ensinar a fazer arroz branco, comum, e o molho de macarrão com tomates frescos que só ela sabe temperar.
Tudo que eu sei de cozinha aprendi de um jeito: prática. Minhas receitas são criadas da minha cabeça e implementadas dos meus testes ou então milimetricamente medidas de fontes confiáveis.
Tenho uma verdadeira paixão por cupcakes, pois acho que eles reúnem o que há de melhor na cozinha: manteiga, açúcar, fofurice, capricho e criatividade. Tudo na medida certa para uma pessoa saborear. Gosto de tentar coisas novas com esses pequenos e descobrir jeitos diferentes de decorá-los. Quando não estou fazendo nada, começo a pesquisar e estudar receitas, teorias e decorações de cupcakes. É, isso mesmo, estudar.
O blog também é uma maneira de praticar minha segunda paixão: fotografia. Sou daquelas que, enquanto passeia pelo parque, começa a achar ângulos de fotos que ficariam maravilhosas. Assim como eu estudo gastronomia e culinária, sento para ler sites e livros enormes sobre fotografia.

O gerúndio

Não fale mal dele antes de conhecê-lo melhor. Já ouvi por aí dizerem que jornalista jamais, sob nenhuma circunstância, pode usar o gerúndio. A justificativa fez sentido: “você usa o gerúndio quando não quer dar nenhuma previsão de término para sua a ação”, o que, no jornalismo, é basicamente como deixar o leitor esperando para sempre por aquela obra sanitária que o governo prometeu.
Mas foi exatamente a mesma explicação que me convenceu a usar o gerúndio para o nome do blog: eu não tenho previsão de fim para minha produção de cupcakes, jamais pretendo parar de fazê-los ou de cozinhar em geral. Se não tiver mais encomendas, será para amigos. Se meus amigos enjoarem, será para minha família. Quando minha família me dizer “CHEGA”, será para mim mesma (e talvez meu corgi. Eu tinha uma husky siberiana linda, que infelizmente se foi, mas vai estar sempre na minha memória). Porque é o que eu amo fazer e o que me deixa feliz.

Copyright

Todas as fotos e textos nesse site são produzidos pela confeiteira Ju Morgado, a não ser que esteja especificado o contrário. Eles representam muito trabalho e esforço. Caso deseje utilizar alguma foto ou texto do site, por favor, entre em contato. Ficarei imensamente grata em ajudar, mas é importante dar os devidos créditos. :)

Creative Commons License
Essa obra é licenciada perante a
Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.

Contato

Será que sua pergunta já não foi respondida no FAQ? Dê uma lida nele antes, para ter certeza!

Envie suas dúvidas ou pedidos de encomendas por aqui. Minhas encomendas de cupcakes são apenas para o Distrito Federal (DF). Outros doces e produtos podem ser enviados, a depender do pedido.

Eu respondo a todos os e-mails enviados. Garanta que você receberá minha resposta adicionando o e-mail contato@cupcakeando.com.br na sua lista de endereços seguros, ou minha resposta poderá cair na sua caixa de Spam!