segunda, 18 de dezembro de 2017

Cheesecupcakes de mirtilo, duas cores

0 Comentários

Os mirtilos estavam na promoção nesse fim de ano. Quer dizer, estavam mais baratos do que o normal, e isso significa promoção – mas não significa preço incrivelmente barato.
Achei bandejinhas de 125g por 8 reais, o que é barato, mas é caro se você considerar o valor em si. Mas como na maioria das vezes encontramos essa frutinha por 20 e poucos reais, eu achei 8 uma pechincha. E levei vários potinhos.

Cheesecupcakes de mirtilos
Então tinha que gastá-los com algo e logo achei este cheesecake para fazer cheesecupcakes deliciosos!
Mas tive que adaptar e muito a receita que está no site da Tastemade. Aliás, ela nem parece a receita do vídeo. No vídeo é uma coisa e na receita é outro. É uma das coisas que eu mais tinha raiva de fazer receitas de sites famosos, é que parece que ninguém testou a receita antes de postar. Ou que fizeram qualquer uma pro vídeo e depois anotaram quaisquer quantidades na escrita.
Nunca dava certo.

Cheesecupcakes de mirtilos

Cheesecupcakes de mirtilos
Adaptei algumas medidas e deu certinho. Então, espero que gostem.
Ah! Sim, eu apareci no vídeo. Pela primeira vez, borrada. Mas vamos com calma ok? Estou falando pela primeira vez também, e isso já é um avanço pro canal :)
Fiquem com a fofura do Freddie no final do vídeo – tem que ver até o fim pra ver meu filhotinho!

Cheesecupcakes de mirtilo, duas cores
Rende: 7 cheesecupcakes grandes
Receita bem adaptada da Tastemade.

Fundo de biscoito
85g de biscoitos moídos (usei maizena, mas você pode usar qualquer outro)
50g de manteiga, derretida

Creme
1 xícara (140g) de mirtilos
3 colheres de sopa (45g) de açúcar
2 colheres de chá de suco de limão (usei siciliano, mas pode ser tahiti)
2/3 colher de chá de gelatina em pó, sem sabor

220g de creamcheese
1/2 xícara (140ml) de iogurte sem açúcar
1/2 xícara (65ml) de creme de leite (pode ser fresco ou de caixinha)
3 colheres de sopa (45g) de açúcar
2 colheres de sopa de suco de limão

2/3 colher de chá de gelatina em pó, sem sabor
1/4 xícara (32ml) de creme de leite (pode ser fresco ou de caixinha

1/4 xícara (32ml) de creme de leite fresco, para bater chantilly
2 colheres de sopa de açúcar impalpável
mirtilos para decorar

1 – Comece pelo fundo, a base dos cheesecupcakes. Processe os biscoitos se já não o tiver feito, e acrescente a manteiga derretida, processe novamente. Até chegar a uma consistência de areia molhada.
2 – Em uma panela pequena, cozinhe os três primeiros ingredientes do creme (mirtilos, açúcar e suco) por mais ou menos 5 minutos em fogo médio, sendo no mínimo 2 com a mistura fervendo. Os mirtilos vão estourar enquanto isso, mas facilite com as costas da espátula ou colher que estiver usando. Retire do fogo e espere uns 10 minutos. Adicione os 2/3 colher de chá de gelatina e misture bem até derreter. Reserve essa mistura, que é quase uma geleia.
3 – Em uma tigela grande, acrescente o creamcheese, iogurte, creme de leite, açúcar e suco de limão. Bata com um fouet até misturar tudo. Tudo bem se tiver alguns gruminhos!
4 – Esquente o creme de leite um pouquinho no microondas e adicione a gelatina em pó. Misture bem para não ter nenhum grumo de gelatina, mas se houver, passe por uma peneira antes de prosseguir.
5 – Adicione essa mistura de creme de leite e gelatina ao creme de creamcheese, misture bem com o fouet.
6 – Divida o creme em duas tigelas. Em uma delas, adicione os mirtilos estourados e não estourados da “geleia”, e na outra adicione uma a duas colheres de sopa apenas do caldo da geleia. A maior parte deve ficar em uma das tigelas, para que uma tenha mais cor que a outra e a gente consiga fazer as duas cores. Misture bem com uma colher.
7 – Na forminha de cupcake, coloque uma colher de sopa cheia da misturinha de “areia” de biscoito. Pressione no fundo com um copo ou potinho. Leve para a geladeira por uns 15 minutos para endurecer.
8 – Depois, coloque uma a duas colheres de sopa do creme mais escuro, garantindo que está colocando também alguns mirtilos. Dê umas batidinhas na bancada para nivelar o creme e leve para o congelador por 15 minutos.
9 – Retire e coloque o creme mais claro, novamente mais umas duas colheres de sopa. Como não vamos assar e ele não vai crescer, você pode preencher até o topo da forminha de papel. Leve para o congelador por mais 30 minutos, ou deixe na geladeira de madrugada para servir no dia seguinte.
10 – Bata o creme de leite fresco com o açúcar até virar chantilly. Coloque em um saco de confeitar com bico 1A da Wilton, e faça uma bolinha em cada um. Decore com mirtilos e sirva imediatamente. Se não for comer na hora, deixe na geladeira, afinal são cheesecupcakes não-assados!

Cheesecupcakes de mirtilos

Dicas:
– Use uma forminha muito boa, grossa e de boa qualidade. Se usar uma muito fina e ruim, o papel vai rasgar com a umidade do cheesecake quando você for remover.
– O único creme de leite que precisa ser o fresco é o pra bater chantilly. Todos os outros podem ser o de caixinha, sem problemas.

segunda, 25 de setembro de 2017

Cookiecup de cheesecake de morango

3 Comentários

Dei uma sumida, eu sei. Mas é que a vida virou um turbilhão de coisas nas últimas semanas que eu mal tive tempo pra respirar. Parece que todo dia eu tinha algum problema pra resolver, alguma coisa pra finalizar, algo que precisava da minha atenção – talvez até amigos. E eu priorizo amigos, sempre.
Então estou até agora com esses cookiecups – cheesecups, cupcheesecookie, sei lá – sem colocar aqui, e com as fotos das comidinhas da Festa do Morango do DF para mostrar pra vocês.

Docinhos da Festa do Morango do DF de 2017

Docinhos da Festa do Morango do DF de 2017

Docinhos da Festa do Morango do DF de 2017
A Festa desse ano aparentemente quase não aconteceu, o que seria terrível. Não é como se os preços fossem gritantemente diferentes do centro de Brasília – talvez já tenham sido em alguma época. Mas é porque é um evento, sabem? É um passeio, um dia tirado pra isso. A gente sai de casa, leva 30 minutos ou mais pra chegar em Brazlândia, visitamos cada barraquinha de pequenos produtores e provamos trocentas geleias antes de decidir por qual vamos levar. Comemos um monte de morango pra escolher qual está mais doce, ou azedo se for o seu gosto.
Depois almoçamos, com foco sempre na comida das famílias japonesas pra incentivar que continuem, e aí partimos para mais sobremesas – como se ainda houvesse espaço vazio na barriga. Mas naquele dia a gente descobre novos compartimentos.

Cookiecup de cheesecake de morango

Cookiecup de cheesecake de morango
Por fim, saímos esgotados de tanto andar, de tanto conversar com vendedores e de passear com caixas e geleias pra cima e pra baixo. Nessa última parte, talvez o mais prejudicado seja o Sr. Namorado que é um gentleman que quer carregar tudo pra gente.
Esse ano, fomos eu, ele, Dona Mamãe e minha prima do Espírito Santo, que estava em Brasília nos visitando e conhecendo pela primeira vez a cidade. Se pra gente a Festa do Morango já é um evento, pra ela acho que parecia um espetáculo observativo de tipos de pessoas que é possível encontrar pelo Brasil. Ela adorou tudo. Ou pelo menos era educada demais pra reclamar da secura de Brasília em pleno agosto (muitas vezes, quando estamos com mais de cem dias sem chuva).

Cookiecup de cheesecake de morango

Cookiecup de cheesecake de morango
Pra comemorar tanto morango consumido, vamos colocar receitas… com morango, obviamente. Qual seria a graça de colocar algo diferente?
Como eu chamo do que eu quiser, esse aqui vai ser cookiecup de cheesecake de morango. E como haviam acabado os morangos, decorei com frutinhas vermelhas, mas obviamente fica melhor se decorado com morangos, né.

Cookiecup de cheesecake de morango
Rende: 12 grandes ou uns 26 minis
Receita da Liv for Cake.

Cookiecup
2 1/4 xícaras (320g) de farinha
1/2 colher de chá de bicarbonato de sódio
1/2 colher de chá de sal
220g de manteiga
1 1/2 xícara (290g) de açúcar
2 ovos
2 colheres de chá de extrato de baunilha

Cheesecake de morango
1 xícara (250ml) de creme de leite fresco, com mais de 35% de gordura
220g de creamcheese, sem ser o light
1/2 xícara (100g) de açúcar refinado
1/2 xícara (120g) de purê de morango

1 – Ligue seu forno em 180˚C. Se não estiver usando uma fôrma antiaderente, unte cada cavidade com um pouco de manteiga ou use aqueles sprays que untam fôrmas bem de leve.
2 – Para os cookiecups: em uma tigela, misture a farinha, o bicarbonato e o sal. Reserve. Em outra tigela, bata a manteiga e o açúcar por uns 3 minutos até incorporar bem e a mistura ficar mais pálida e fofinha. Então, adicione um ovo de cada vez, batendo bem após cada um, e acrescente por fim a baunilha.
3 – Adicione a farinha e bata até obter uma mistura uniforme. A consistência não é dura como um biscoito normalmente seria, mas também não é mole como de bolo. O meio termo você é até capaz de colocar o dedo e ele pode grudar um pouco, mas com as mãos umedecidas de leve, não gruda.
4 – Para os grandes, coloque aproximadamente 3 colheres de sopa da mistura em cada cavidade. Para os minis, achei que uma colher de sopa era suficiente. Pressione a massa com a mão umedecida, para ir preenchendo a fôrma e montando um copinho em cada cavidade. Tente não deixar partes muito grossas!
5 – Leve a fôrma para assar por 10 a 12 minutos para os grandes, ou 6-8 minutos para os minis – até que fiquem mais ou menos coradinhos, sem queimar. Assim que saírem do forno, espere uns 2 minutos e então pressione o centro de cada um com a ajuda de uma colher ou o fundo de algo que encaixe ali, como um copo pequeno de tequila que eu usei hahahaha. A ideia é amassar o fundo enquanto ele ainda está morno. Depois, deixe esfriar completamente para retirar da fôrma (ainda morno, eles são bem frágeis).
6 – Para o cheesecake: bata o creme de leite fresco até o ponto de chantilly. Reserve na geladeira.
7 – Em outra tigela, bata o creamcheese e o açúcar até incorporar bem. Então, adicione o purê de morango e o chantilly, e vá misturando com uma espátula aos poucos, com movimentos envolventes para não retirar a aeração do chantilly. A mistura é bem pouco firme, mas enquanto estiver gelada dá pra colocar no saco de confeitar e preencher os cookiecups com uma voltinha. Ela não fica 100%, não, já aviso, mas fica bonitinha. Coloque os cookiecups preenchidos imediatamente na geladeira para endurecerem. Depois, decore com frutinhas vermelhas ou limão, como eu fiz e super combina!

Cookiecup de cheesecake de morango

Cookiecup de cheesecake de morango
E como foi a época do morango na sua cidade? Teve Festa do Morango? Tem eventos específicos? Conta aqui pra gente!

Ju Morgado

Sou uma jornalista com mais paixões do que o tempo me permite cultivar. Descobri na cozinha meu paraíso, meu refúgio depois de um dia cansativo ou estressante. É quase um vício, realmente. Não apenas cupcakes, mas qualquer coisa que eu ache interessante, desafiante ou divertido de fazer. Apesar do nome do blog, não é só de cupcakes que eu vivo. Amo fazer risotos, de todos os sabores, e simplesmente amo qualquer receita que envolva qualquer tipo de queijo.

A história do Cupcakeando

Não sei bem quando ou porquê eu comecei a me interessar por cozinhar. A lembrança mais antiga que tenho é de minha mãe me puxando para a cozinha, para me ensinar a fazer arroz branco, comum, e o molho de macarrão com tomates frescos que só ela sabe temperar.
Tudo que eu sei de cozinha aprendi de um jeito: prática. Minhas receitas são criadas da minha cabeça e implementadas dos meus testes ou então milimetricamente medidas de fontes confiáveis.
Tenho uma verdadeira paixão por cupcakes, pois acho que eles reúnem o que há de melhor na cozinha: manteiga, açúcar, fofurice, capricho e criatividade. Tudo na medida certa para uma pessoa saborear. Gosto de tentar coisas novas com esses pequenos e descobrir jeitos diferentes de decorá-los. Quando não estou fazendo nada, começo a pesquisar e estudar receitas, teorias e decorações de cupcakes. É, isso mesmo, estudar.
O blog também é uma maneira de praticar minha segunda paixão: fotografia. Sou daquelas que, enquanto passeia pelo parque, começa a achar ângulos de fotos que ficariam maravilhosas. Assim como eu estudo gastronomia e culinária, sento para ler sites e livros enormes sobre fotografia.

O gerúndio

Não fale mal dele antes de conhecê-lo melhor. Já ouvi por aí dizerem que jornalista jamais, sob nenhuma circunstância, pode usar o gerúndio. A justificativa fez sentido: “você usa o gerúndio quando não quer dar nenhuma previsão de término para sua a ação”, o que, no jornalismo, é basicamente como deixar o leitor esperando para sempre por aquela obra sanitária que o governo prometeu.
Mas foi exatamente a mesma explicação que me convenceu a usar o gerúndio para o nome do blog: eu não tenho previsão de fim para minha produção de cupcakes, jamais pretendo parar de fazê-los ou de cozinhar em geral. Se não tiver mais encomendas, será para amigos. Se meus amigos enjoarem, será para minha família. Quando minha família me dizer “CHEGA”, será para mim mesma (e talvez meu corgi. Eu tinha uma husky siberiana linda, que infelizmente se foi, mas vai estar sempre na minha memória). Porque é o que eu amo fazer e o que me deixa feliz.

Copyright

Todas as fotos e textos nesse site são produzidos pela confeiteira Ju Morgado, a não ser que esteja especificado o contrário. Eles representam muito trabalho e esforço. Caso deseje utilizar alguma foto ou texto do site, por favor, entre em contato. Ficarei imensamente grata em ajudar, mas é importante dar os devidos créditos. :)

Creative Commons License
Essa obra é licenciada perante a
Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.

Contato

Será que sua pergunta já não foi respondida no FAQ? Dê uma lida nele antes, para ter certeza!

Envie suas dúvidas ou pedidos de encomendas por aqui. Minhas encomendas de cupcakes são apenas para o Distrito Federal (DF). Outros doces e produtos podem ser enviados, a depender do pedido.

Eu respondo a todos os e-mails enviados. Garanta que você receberá minha resposta adicionando o e-mail contato@cupcakeando.com.br na sua lista de endereços seguros, ou minha resposta poderá cair na sua caixa de Spam!