segunda, 31 de agosto de 2015

Cupcakes cremosos de amêndoas e coco

4 Comentários

Gente! Vocês não sabem o que eu, na minha correria e loucura do dia a dia, fiz no blog e nem notei.
Lembram aqui que eu falei pra vocês qual foi o forno elétrico que eu havia escolhido para a cozinha? Pois é. Eu tinha mesmo escolhido esse aí do post, mas depois de um tempo, quando eu efetivamente fui comprar, acabei mudando de opção e levei outro forno, também da Brastemp.

cupcake_amendoas_coco
Faz tanto tempo agora que já não me lembro exatamente os motivos para ter trocado. Sei que teve a ver com o preço: se não me engano, o modelo que eu acabei adquirindo estava na promoção, e ainda é touchscreen, então considerei um baita negócio.
Meu forno elétrico é o Brastemp Gourmand BO260AR. Ele também controla a temperatura de 5 em 5 graus, além de me permitir a regulagem de exatamente onde sai o calor do forno. Ele também traz funções especiais, como assar pizza, gratinar e – o meu favorito! – crescer massa de pão.
Eu demorei um dia para entender como funcionava o touchscreen dele, porque não é 100% intuitivo, mas depois que você pega a dinâmica, é bem simples. O chato é ficar as marquinhas de dedo, mas nada que um pano úmido não remova.

cupcake_amendoas_coco4

cupcake_amendoas_coco2
A graça da minha confusão toda é que eu postei aquele forno anterior no blog e todos vocês me perguntavam se eu estava gostando dele. Eu, na minha loucura, respondia pensando nesse aqui que eu efetivamente comprei, hahahahah. Então, perdão, eu editei o post anterior pra mencionar que acabei trocando o modelo, e considerem todos os meus comentários abaixo daquele post como sendo sobre esse modelo aqui. Gente doida é assim, desculpem.
O que importa é que, sim, esse forno é sucesso. Recomendo a todos. Desde o começo da reforma, eu já sabia que o forno seria Brastemp porque usei durante anos o elétrico da marca na casa da mamãe e nunca deu problema. O meu veio super regulado, tanto que foi nele que consegui minha primeira fornada de macarons (mas as seguidas não deram certo, hehehe). Adoro o fato que ele também pode ser um timer na cozinha, o que é legal já que ele fica logo atrás da bancada onde eu faço minhas receitas, então é extremamente prático.

Cupcakes cremosos de amêndoas e coco
Rende: 12 cupcakes

Massa
1 receita de cupcakes de baunilha

Recheio cremoso
3/4 de xícara (180ml) de leite
2 colheres de sopa de pasta de amêndoas OU 5 colheres de sopa de farinha de amêndoas
4 gemas
1/3 de xícara (75g) de açúcar
1 1/2 colheres de chá de amido de milho (maizena)
uma pitada de sal
1 colher de chá de extrato de baunilha
1/4 de xícara (60ml) de creme de leite fresco

Cobertura
1/2 receita de buttercream com gosto de sorvete
3 colheres de sopa do recheio cremoso, sem chantilly
1 colher de chá de essência de amêndoas
coco ralado a gosto

1 – Prepare os cupcakes de acordo com a receita e espere esfriar. Em uma tigela, bata as gemas com o açúcar até clarear a mistura, mais ou menos uns 2 ou 3 minutos batendo com um fouet sem parar. Pode usar a batedeira se preferir, daí reduza para 2 minutos no máximo.
2 – Adicione o amido de milho e o sal, e bata novamente apenas para incorporar.
3 – Aqueça o leite com a pasta de amêndoas (ou a farinha) até derretê-la no líquido, mas sem passar do ponto de ebulição quando o leite sobe e ferve – quando formar bolhas nos cantinhos, já pode remover do fogo. Imediatamente derrame um pouquinho do leite quente nas gemas, batendo com o fouet sem parar para não cozinhar. Derrame todo o leite e misture bem, então retorne tudo para a panela e volte a cozinhar o recheio.
4 – Mexa com uma espátula sem parar, raspando os fundos e cantos da panela, em fogo baixo. Depois que ferver, cozinhe por mais 3 minutos.
5 – Retire do fogo e adicione o extrato de baunilha. Mexa para incorporar. Coloque a mistura em um prato fundo ou uma tigela, com papel-filme por cima, tocando a superfície da mistura. Espere esfriar completamente – agora é uma boa hora para fazer a cobertura de buttercream: siga a receita do blog e no final adicione a essência de amêndoas e 3 colheres de sopa do recheio antes do próximo passo, ou seja sem o chantilly!
6 – Quando estiver frio, bata o creme de leite fresco até atingir o ponto de chantilly. Então, adicione o chantilly em três partes ao recheio já pronto, fazendo movimentos envolventes, de baixo pra cima, para misturar sem perder a aeração do chantilly.
7 – Recheie os cupcakes com esse creme maravilhoso e decore com o buttercream. Em seguida, passe a cobertura no coco ralado caprichadamente e decore com umas amêndoas coloridas confeitadas por cima.

Não era Páscoa, mas esses cupcakes acabaram parecendo um ninho de ovos, né? Não foi a intenção, coloquei as amêndoas pra remeter ao sabor do cupcake mesmo.

cupcake_amendoas_coco3
Pra fazer a decoração da foto, eu apenas coloquei uma bolota de cobertura em cada cupcake e ajustei com a espátula, até fazer um cocuruto em cada um. Antes de secar, passei o buttercream em coco ralado e coloquei as amêndoas. Delícia demais!

domingo, 16 de dezembro de 2012

Cupcakes natalinos de Chocolate e Praliné de Amêndoas

22 Comentários

A data mais engordativa do ano está chegando, se aproximando da minha dieta como um corvo voa em círculos em cima de uma carniça. É o Natal, the most wonderful time of the year. Não achamos o menino Jesus e eu também não li nenhum dos livros que faltavam da minha lista de 2012, mas não dá tempo pra mais nada, a não ser preparar a ceia de Natal.

cupcakes_natal_2012
Esta época também representa a reunião com pessoas queridas. Fui convidada pelas lindas meninas do Fica, Vai Ter Sobremesa, Culinarístico e Cozinha em Cena, para participar da ceia de Natal delas. Pensei em fazer a clássica rabanada aqui de casa, mas honestamente eu não sou fã do prato. Podem me julgar.
Acabei onde eu sei inventar.

cupcakes_natal_2012_3Cupcakes natalinos!

Cupcakes de Chocolate e Praliné de Amêndoas
Rende: 18 cupcakes

Praliné de Amêndoas
1/2 xícara de açúcar refinado
2 colheres de sopa de água
1/4 de xícara de amêndoas laminadas, sem casca

1 – Deixe uma assadeira retangular a postos. Prepare uma tigela com gelo e água, que você possa parar a fervura da calda.
2 – Em uma panela pequena, leve o açúcar e a água misturados para ferver. Com um pincel, limpe as paredes e garanta que nenhum açúcar ficou por ali ou ele poderá cristalizar toda a calda. Ferva, sem mexer, por 5 minutos, até que comece a ficar com cor de caramelo. Para quem tem termômetro de doces, a temperatura certa é 165˚C.
3 – Quando atingir a coloração de caramelo e a temperatura certa, retire do fogo, mergulhe rapidamente na tigela com água gelada. Acrescente as amêndoas e misture bem. Derrame sobre a assadeira imediatamente. Tome muito cuidado nesse processo, pois a calda estará muito, muito quente.
4 – Quando esfriar e endurecer, quebre o caramelo em pedaços menores. Isso já é considerado praliné, mas para o resto da receita vamos colocar esses pequenos pedaços em um multiprocessador ou liquidificador. Pulse aos poucos, até que vire uma farinha açucarada.

Cupcakes
2 xícaras de farinha
1 xícara de açúcar
1 xícara de praliné de amêndoas moído
1/4 de colher de chá de sal
4 colheres de sopa de cacau (não niveladas)
225g (1 xícara) de manteiga
1 xícara de água fervente
1/2 xícara de buttermilk
2 ovos

1 colher de chá de bicarbonato de sódio
1 colher de chá de extrato de baunilha

1 – Faça o buttermilk e ligue seu forno em 180˚C.
2 – Derreta a manteiga em fogo baixo. Quando estiver líquida, acrescente as quatro colheres não niveladas de sopa de cacau.
3 – Acrescente a água fervente e aumente para a chama média. Quando começar a borbulhar, espere 30 segundos. Reserve enquanto prepara o resto.
4 – Em uma tigela bem grande, peneire a farinha, o açúcar, o praliné e o sal juntos. Em outra tigela, bata os ovos e acrescente o buttermilk, o bicarbonato de sódio e o extrato de baunilha, mexendo bem.
5 – Derrame a mistura do cacau em cima dos ingredientes secos e mescle com uma espátula, “dobrando” a massa sobre ela mesma. Essa é uma técnica de confeitaria que evita movimentar agressivamente os ingredientes, o que pode desenvolver mais glúten e perder a textura fofa da massa.
6 – Quando estiver homogêneo, derrame a mistura líquida, repetindo o mesmo processo. O resultado final é bastante líquido, mas fique tranquila, é normal e você não fez nada de errado.
7 – Use uma concha ou uma colher de sorvete para dividir pelas forminhas de papel e então leve ao forno por 22 minutos. Estão prontos quando um palito inserido no meio de cada um deles sair limpo.

Cobertura
1 receita de buttercream de merengue italiano
Corante em gel (verde musgo ou verde e marrom)

1 – Prepare o buttercream como indicado na receita.
2 – Tinja o buttercream com corante em gel. Eu usei uma grande quantidade de verde folha e um pouco de marrom, na proporção 6:1. Ou seja, coloquei 6 gotas de verde folha e 1 gota de marrom. Porém, o melhor é você fazer por conta própria, acrescentando corante aos poucos, pois você pode sempre acrescentar, mas não dá pra tirar a cor se você passar do ponto.

Coloque a cobertura em um saco de confeitar, com um bico de pitanga aberta como o 1M da Wilton. Faça a clássica voltinha, mas indo bem alto, como se fosse uma árvore. Garanta que a base da voltinha, no domo do cupcake, está bem feita, para que sustente a pequena árvore. Decorei com confeitos amarelos redondos e uma estrela de pasta americana em cima.
Além de deliciosos – o praliné realmente dá um sabor a mais para a massa de chocolate –, eles ficarão lindos expostos ao lado da ceia de Natal, só esperando serem devorados como sobremesa.
Dê uma olhada nos posts da Mirella, Priscila e Sara, cada coisa mais gostosa que a outra!

Creme de framboesa, no Fica, Vai Ter Sobremesa.
Pudim de Chocotone com licor, no Culinarístico.
Tartelette de figos, no Cozinha em Cena.

cupcakes_natal_2012_2
Feliz Natal!

Ju Morgado

Sou uma jornalista com mais paixões do que o tempo me permite cultivar. Descobri na cozinha meu paraíso, meu refúgio depois de um dia cansativo ou estressante. É quase um vício, realmente. Não apenas cupcakes, mas qualquer coisa que eu ache interessante, desafiante ou divertido de fazer. Apesar do nome do blog, não é só de cupcakes que eu vivo. Amo fazer risotos, de todos os sabores, e simplesmente amo qualquer receita que envolva qualquer tipo de queijo.

A história do Cupcakeando

Não sei bem quando ou porquê eu comecei a me interessar por cozinhar. A lembrança mais antiga que tenho é de minha mãe me puxando para a cozinha, para me ensinar a fazer arroz branco, comum, e o molho de macarrão com tomates frescos que só ela sabe temperar.
Tudo que eu sei de cozinha aprendi de um jeito: prática. Minhas receitas são criadas da minha cabeça e implementadas dos meus testes ou então milimetricamente medidas de fontes confiáveis.
Tenho uma verdadeira paixão por cupcakes, pois acho que eles reúnem o que há de melhor na cozinha: manteiga, açúcar, fofurice, capricho e criatividade. Tudo na medida certa para uma pessoa saborear. Gosto de tentar coisas novas com esses pequenos e descobrir jeitos diferentes de decorá-los. Quando não estou fazendo nada, começo a pesquisar e estudar receitas, teorias e decorações de cupcakes. É, isso mesmo, estudar.
O blog também é uma maneira de praticar minha segunda paixão: fotografia. Sou daquelas que, enquanto passeia pelo parque, começa a achar ângulos de fotos que ficariam maravilhosas. Assim como eu estudo gastronomia e culinária, sento para ler sites e livros enormes sobre fotografia.

O gerúndio

Não fale mal dele antes de conhecê-lo melhor. Já ouvi por aí dizerem que jornalista jamais, sob nenhuma circunstância, pode usar o gerúndio. A justificativa fez sentido: “você usa o gerúndio quando não quer dar nenhuma previsão de término para sua a ação”, o que, no jornalismo, é basicamente como deixar o leitor esperando para sempre por aquela obra sanitária que o governo prometeu.
Mas foi exatamente a mesma explicação que me convenceu a usar o gerúndio para o nome do blog: eu não tenho previsão de fim para minha produção de cupcakes, jamais pretendo parar de fazê-los ou de cozinhar em geral. Se não tiver mais encomendas, será para amigos. Se meus amigos enjoarem, será para minha família. Quando minha família me dizer “CHEGA”, será para mim mesma (e talvez meu corgi. Eu tinha uma husky siberiana linda, que infelizmente se foi, mas vai estar sempre na minha memória). Porque é o que eu amo fazer e o que me deixa feliz.

Copyright

Todas as fotos e textos nesse site são produzidos pela confeiteira Ju Morgado, a não ser que esteja especificado o contrário. Eles representam muito trabalho e esforço. Caso deseje utilizar alguma foto ou texto do site, por favor, entre em contato. Ficarei imensamente grata em ajudar, mas é importante dar os devidos créditos. :)

Creative Commons License
Essa obra é licenciada perante a
Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.

Contato

Será que sua pergunta já não foi respondida no FAQ? Dê uma lida nele antes, para ter certeza!

Envie suas dúvidas ou pedidos de encomendas por aqui. Minhas encomendas de cupcakes são apenas para o Distrito Federal (DF). Outros doces e produtos podem ser enviados, a depender do pedido.

Eu respondo a todos os e-mails enviados. Garanta que você receberá minha resposta adicionando o e-mail contato@cupcakeando.com.br na sua lista de endereços seguros, ou minha resposta poderá cair na sua caixa de Spam!