segunda, 23 de janeiro de 2017

Cupcakes de goiabada e queijo

2 Comentários

Fui rever se conclui minha meta para o ano de 2016 e, é claro, eu falhei miseravelmente. Nem fui atrás do tal curso de língua estrangeira que quis fazer. Ainda quero! E decidi por francês. Mas estou focando em novos projetos, inclusive aqui para o blog, e a grana não dá pra pagar isso tudo junto, infelizmente. O curso vai ter que ficar pra depois.
Melhor! Vou até procurar cursos online. Porque, honestamente, acho que da pra aprender muito bem online, se você se esforçar. Eu aprendi pouco de polonês online antes de viajar e aposto que, se eu tivesse continuado, hoje eu falaria uma ou outra coisa.

Cupcakes de queijo e goiabada
Cupcakes de queijo e goiabada
Mas o que eu queria falar é sobre coincidências. Fui ver o post de metas pra 2016 e tive uma agradável surpresa: era o jambalaya, uma receita que é tradicional de New Orleans, como eu mesma falei no post.
E vejam só vocês. É exatamente pra onde eu estarei viajando em fevereiro, agora, nas férias!

New Orleans
Foto do site Travel Thru History.

 

Sim, mal posso esperar! Estou realmente muito ansiosa, por duas razões.
Primeiro, porque estou planejando uma viagem de muita diversão pra mim e pro Sr. Namorado, com foco em gastar nosso suado dinheirinho em experiências, mais do que em compras. Comidas, drinks, bebidas, lugares para visitar e ver. Tudo!
Segundo, porque a viagem vai ser a primeira que vou aproveitar para produzir conteúdo para o Cupcakeando e para o meu novo site. Sim! Estou abrindo um novo site! Ele deve estar sendo concluído em breve – entre layout e programação das lindas Mai Saraiva e Mari Assmann – e vou postar coisas lá que antes não combinavam muito aqui. Tudo com o aval de vocês – lembram quando fiz uma enquete no Instagram? Pois é.

Cupcakes de queijo e goiabada

Cupcakes de queijo e goiabada
Quero compartilhar com vocês mais coisas que eu gosto, afinal não sou só cupcakes. Aliás, tanto não sou, que volta e meia entra uma receita diferente aqui, né? Salgados e tal.
Quero falar sobre viagens – minha segunda paixão – e mostrar pra onde eu tenho vontade de ir, os lugares diferentões que penso em visitar, as dicas que tenho pra planejar viagens. Quero falar sobre bullet journal, que tanta gente me pede. Quero falar sobre a vida, escrever textos sem a obrigatoriedade de ter uma receita. Quero mostrar mais de Brasília pro mundo – essa cidade que eu amo do fundo do coração e quase ninguém mostra o quanto ela pode ser encantadora. Quero falar de filmes, livros e músicas que eu gostei, que quero compartilhar com vocês.
Espero que gostem desse novo espaço. Quando estiver pronto, vou deixar o link aqui, com certeza! Enquanto isso, fiquem com esse cupcake super brasileirão de goiabada e queijo – nosso lindo romeu e julieta.

Cupcakes de goiabada e queijo
Rende: 10 cupcakes

Massa
2 ovos
1/2 xícara (110ml) de óleo
1/2 xícara (110ml) de leite
1/2 xícara (75g) de fubá fino
1/2 xícara (65g) de farinha de trigo
1/2 xícara (100g) de açúcar
1/2 colher de sopa de fermento
100g de goiabada
100g de queijo minas padrão

Cobertura de buttercream
180g de manteiga
200g de açúcar impalpável
1 colher de chá de extrato de baunilha
40g de goiabada
1 colher de sopa de água
mais água para atingir a consistência

1 – Ligue seu forno em 180˚C. Já deixe cortado pedacinhos de goiabada e queijo minas do tamanho de 1 centímetro cada um, para colocar por cima dos cupcakes.
2 – Bata em uma tigela grande os ovos e o açúcar até obter uma mistura uniforme. Adicione o óleo e o leite e bata mais uma vez para incorporar.
3 – Acrescente o fubá, a farinha e o fermento, misturando bem com uma espátula, mas sem trabalhar muito para não solar a massa.
4 – Divida a massa entre as forminhas de cupcake. Coloque um pedacinho de goiabada e queijo, juntos (dê uma prensadinha para que grudem um no outro), em cima de cada cupcake e dê uma leve pressionada. Eles vão afundar naturalmente conforme o cupcake assar, então não precisa cobrir com massa.
5 – Asse por 15 minutos ou até que um palito inserido em cada cupcake saia limpo.
6 – Para a cobertura, bata a manteiga e o açúcar impalpável até obter um buttercream liso. Cubra a batedeira com um pano para evitar que o açúcar voe por toda a casa! Acrescente a baunilha e bata mais uma vez. Decore seus cupcakes somente quando esfriarem completamente. Antes de cobrir com o cupcake, eu quis botar mais queijo e goiabada, então fatiei os dois de um tamanho que cobrisse o topo do cupcake, mas que ficasse escondido embaixo da cobertura quando eu colocasse. Cortei fino, prensei o queijo e a goiabada pra que grudassem um no outro, e coloquei em cima. Buttercream veio depois, voilá!
7 – Para a calda de goiabada, leve a goiabada e a colher de água para ferver em uma panela pequena, mexendo sempre. Se for goiabada cascão, provavelmente haverá pedacinhos duros que você deve remover, senão eles emperram o bico de confeitar depois. Vá derretendo a goiabada e acrescentando mais água caso seque ou se precisar diluir mais para chegar em uma consistência de calda. Depois é só colocar por cima do buttercream: eu fiz isso colocando a goiabada em um saco de confeitar com bico redondo bem pequeno, simples, porque queria perfeição pra foto, mas você pode fazer com uma colher que dá na mesma! ;)

Cupcakes de queijo e goiabada
Claro, estou aceitando dicas sobre Miami, Fort Lauderdale e New Orleans. Vou chegar em Miami, ficar em Ft. Lauderdale e fazer uma roadtrip até New Orleans, tudo em fevereiro. Sim, vou pegar o Mardi Gras de New Orleans – nem sei o que esperar! Hahaha!

Você já viajou pra New Orleans? Se sim, deixa umas dicas aí pra mim! :)

Save

Save

Save

Save

  1. Luciana
    23 de janeiro de 2017 - 10:12

    Bom dia JU,

    O fubá fico pode ser substituído por outro ingrediente ou retirado da receita?! Parabéns pelos cupcakes!!! bjosss

    • 02 de março de 2017 - 22:28

      Oi Luciana, você pode trocar por farinha comum mas daí perde a graça da massa, que é de fubá :)

Juliana Morgado

Sou uma jornalista com mais paixões do que o tempo me permite cultivar. Descobri na cozinha meu paraíso, meu refúgio depois de um dia cansativo ou estressante. É quase um vício, realmente. Não apenas cupcakes, mas qualquer coisa que eu ache interessante, desafiante ou divertido de fazer. Apesar do nome do blog, não é só de cupcakes que eu vivo. Amo fazer risotos, de todos os sabores, e simplesmente amo qualquer receita que envolva qualquer tipo de queijo.

A história do Cupcakeando

Não sei bem quando ou porquê eu comecei a me interessar por cozinhar. A lembrança mais antiga que tenho é de minha mãe me puxando para a cozinha, para me ensinar a fazer arroz branco, comum, e o molho de macarrão com tomates frescos que só ela sabe temperar.
Tudo que eu sei de cozinha aprendi de um jeito: prática. Minhas receitas são criadas da minha cabeça e implementadas dos meus testes ou então milimetricamente medidas de fontes confiáveis.
Tenho uma verdadeira paixão por cupcakes, pois acho que eles reúnem o que há de melhor na cozinha: manteiga, açúcar, fofurice, capricho e criatividade. Tudo na medida certa para uma pessoa saborear. Gosto de tentar coisas novas com esses pequenos e descobrir jeitos diferentes de decorá-los. Quando não estou fazendo nada, começo a pesquisar e estudar receitas, teorias e decorações de cupcakes. É, isso mesmo, estudar.
O blog também é uma maneira de praticar minha segunda paixão: fotografia. Sou daquelas que, enquanto passeia pelo parque, começa a achar ângulos de fotos que ficariam maravilhosas. Assim como eu estudo gastronomia e culinária, sento para ler sites e livros enormes sobre fotografia.

O gerúndio

Não fale mal dele antes de conhecê-lo melhor. Já ouvi por aí dizerem que jornalista jamais, sob nenhuma circunstância, pode usar o gerúndio. A justificativa fez sentido: “você usa o gerúndio quando não quer dar nenhuma previsão de término para sua a ação”, o que, no jornalismo, é basicamente como deixar o leitor esperando para sempre por aquela obra sanitária que o governo prometeu.
Mas foi exatamente a mesma explicação que me convenceu a usar o gerúndio para o nome do blog: eu não tenho previsão de fim para minha produção de cupcakes, jamais pretendo parar de fazê-los ou de cozinhar em geral. Se não tiver mais encomendas, será para amigos. Se meus amigos enjoarem, será para minha família. Quando minha família me dizer “CHEGA”, será para mim mesma (e talvez meu corgi. Eu tinha uma husky siberiana linda, que infelizmente se foi, mas vai estar sempre na minha memória). Porque é o que eu amo fazer e o que me deixa feliz.

Copyright

Todas as fotos e textos nesse site são produzidos pelo Cupcakeando, a não ser que esteja especificado o contrário. Eles representam muito trabalho e esforço. Caso deseje utilizar alguma foto ou texto do site, por favor, entre em contato. Ficarei imensamente grata em ajudar, mas é importante dar os devidos créditos. :)

Creative Commons License
Essa obra é licenciada perante a
Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.

Contato

Será que sua pergunta já não foi respondida no FAQ? Dê uma lida nele antes, para ter certeza!

Envie suas dúvidas ou pedidos de encomendas por aqui. Minhas encomendas de cupcakes são apenas para o Distrito Federal (DF). Outros doces e produtos podem ser enviados, a depender do pedido.

Eu respondo a todos os e-mails enviados. Garanta que você receberá minha resposta adicionando o e-mail contato@cupcakeando.com.br na sua lista de endereços seguros, ou minha resposta poderá cair na sua caixa de Spam!