terça, 24 de junho de 2014

Cupcakes de canjica

18 Comentários

Já tem uns dois anos que eu não vou em festas juninas. Sempre fico naquela “fim de semana que vem eu vou”, mas acabo sempre em casa resolvendo alguma coisa, descansando ou cozinhando. Sinto falta de quando eu era pequena e o tempo parecia infinito.
Sinto falta das festas juninas também. Me lembro antigamente (parece até que sou idosa) quando as festas eram bem família, tranquilas e focadas na comilança e nas dancinhas. Eu ia com minha mãe e tinha até mesa pra sentar. Não precisava nem chegar muito cedo, era horário padrão: ou seja, quando escurecia.

cupcakes_canjica
Hoje em dia – e isso eu estou falando de dois anos atrás, da última vez que fui – as festas estão mais focadas na balada com mil shows e atrações que mal tem espaço pra caminhar. Claro, falo daqui de Brasília.
Eu, que não sou fã de lugar lotado e encontrei um namorado que compartilha do mesmo gosto, tenho que chegar às vezes 30 minutos antes do horário que a festa estava marcada para começar. Senão, não tem vaga pro carro, nem lugar pra sentar e muito menos paciência pra ficar na fila gigantesca pra comprar comidinhas.

cupcakes_canjica2
Talvez seja isso que me desanime a ir pras festividades juninas anuais. Mas não posso desanimar tanto, afinal não tem comidas mais saborosas e mais brasileiras que nessa época, né? Tem um motivo pra Copa acontecer nesses meses.
Pra comprovar, as blogueiras resolveram fazer um post coletivo de festa junina! Só tem delícia, sô, então corre pra ver.

mosaico_festajunina
Queijadinha, no Marola com Carambola, da Amanda e da Eloah.
Sopa de milho verde, no Cozinha em Cena, da Sara.
Chá de amendoim, no Culinarístico, da Priscila.

Cupcakes de canjica
Rende: 12 cupcakes

Para os cupcakes
1 receita de cupcakes de baunilha

Recheio de canjica
Receita da Escrevendo Abobrinhas, com adaptações.

250g de canjica
1/2 lata (198g) de leite condensado
1/2 vidro (100ml) de leite de coco
750ml de leite
1/4 de colher de chá de sal
1/2 pacote (50g) de coco ralado, úmido e adoçado
2 cravos
1/4 de colher de chá de canela
1 colher de sopa de açúcar

1 – Assim como a Manu, eu não deixei a canjica de molho por horas a fio porque queria fazer rápido. Então, usei a dica dela na receita: lavei a canjica em água corrente até a água parar de sair branca e coloquei pra ferver na panela de pressão com bastante água, contando 15 minutos após a pressão. Fiz isso 3 vezes, misturando toda vez que eu abria, e ficou ótimo.
2 – Depois, escorra a água e acrescente apenas 500ml do leite, os cravos, o leite condensando, o leite de coco, o coco ralado e o sal. Faça na panela de pressão mesmo. Ferva, mexendo sempre, até adquirir a consistência de creme.
3 – Aqui, eu fui adicionando aos poucos mais leite, só pra deixar ele mais cremoso. Quando a canjica estiver consistente o suficiente pra servir de recheio – não pode estar muito líquida senão ela vai inundar o cupcake –, basta remover do fogo.
4 – Por último, adicione a canela e o açúcar, enquanto ainda está bem quente e mexa. Prove e veja se prefere com mais açúcar. Pode retirar os cravos se desejar, vamos decorá-los com cravinhos limpos de qualquer jeito.

Esse cupcake é muito simples, porque comida de festa junina tem que ser simples. Abra um buraco bem caprichado para o recheio e mande bala na canjica. De verdade? Eu sugiro deixar os cupcakes já abertos (use o cone para tampar e evitar o ressecamento), esquentar a canjica e servir bem na hora, como se fosse o prêmio final da festa junina. Quentinho assim parece que fica ainda melhor.
Essa receita de canjica rende um monte, então da pra rechear os 12 cupcakes e ainda sobra pra comer puro.

cupcakes_canjica3
O que você mais gosta de comer durante festas juninas?

  1. Jenifer Oliveira
    24 de junho de 2014 - 09:49

    Ju, que delicia deve ficar esse cupcake hein!!!! Vou testar com certeza! E eu como vc, não gosto de lugares cheios, por isso passa ano e entra ano acabo não indo em festas juninas!!! Mas acabo sempre reunindo alguns amigos e faço uma festinha em casa mesmo, com direito a pescaria entre outros joguinhos típicos dessas festas!!! O que mais gosto de comer, são os bolos caseiros e tudo o que for de milho…. =) beijoooos

  2. Fernanda Mezzadri Lopes
    24 de junho de 2014 - 10:22

    Aqui na minha cidade ainda tem festas juninas de escola, onde dá pra comer muito e com tranquilidade.
    Na região que eu moro (Ponta Grossa – PR) é comum ter pinhão, quentão (que é feito de vinho), pipoca, pastel, paçoca, doce de abóbora, pé de moleque, entre outros.
    Canjica tem também, mas esse eu passo, não sou fã hehehehe.
    Mas quem sabe fazer esse cupcake pra alegrar as avós que amam né?!
    Beijo.

    • 25 de junho de 2014 - 22:06

      Fernanda, dê uma chance pra canjica, quem sabe! Essa ficou muito boa! :D

  3. Henrique
    24 de junho de 2014 - 18:54

    Ju, vou dizer que suas fotos estão cada vez melhores. E cupcake de canjica deve ser no mínimo interessante. Tenho que fazer pra provar; ainda mais com esse sabor de festa junina que eu adoro!
    bjos

    • 25 de junho de 2014 - 22:24

      Henrique, obrigada! :D Experimenta porque ficou muito bom!

  4. 25 de junho de 2014 - 12:59

    […] em Cena com a Sopa de milho verde Cupcakeando com Cupcakes de canjica Culinarístico com Chá de […]

  5. 26 de junho de 2014 - 18:01

    they look delicious!

  6. Renata
    30 de junho de 2014 - 14:18

    Ju, suas receitas são sempre incríveis.. Juntar canjica e cupcake em uma receita só, foi demais!! Obrigada!! Gostaria de dar a sugestão de um cupcake de Tiramissu nas próximas quem sabe.. Beijos!

  7. Mimi
    06 de julho de 2014 - 13:46

    Ju! Qual a numeração da sua forminha?

    • 10 de julho de 2014 - 22:34

      Mimi, eu uso forminhas para cupcake. A etiqueta delas vem escrito para cupcake mesmo. Porém, pelo que avaliei, elas são do tamanho da 0B. Beijos!

  8. 11 de julho de 2014 - 02:00

    Adorei esta receita Ju. Preciso fazer. Sou apaixonada por canjica, então acho que vou gostar ne? Rs

    Ah tb adorei fazer parte deste post coletivo.
    Abraços,

    • 12 de julho de 2014 - 11:36

      Amanda, essa canjica é muito boa! Acho que você vai gostar!
      Que bom que gostou de participar do post coletivo, vamos fazer outros, né?! Beijão!

  9. 18 de julho de 2014 - 21:24

    Ficou lindo! Adorei :D

  10. Fabiana Fernandes
    24 de julho de 2014 - 13:42

    Amo o seu blog. Todos os dias entro e pelo menos uma vez ao dia falo sobre ele com alguém… Parabéns!!!!

  11. Meirielle
    08 de junho de 2015 - 15:23

    Como assim “canjica”, Ju?
    É como vcs chamam o milho de mungunzá?
    Essa canjica seria o milho q usamos p preparar o mungunzá?
    Sou de Alagoas. fiquei confusa pq canjica é um outro tipo de comida típica das festas juninas daqui. tbm feita de milho, mas é tipo um mingau durinho, sabe?
    Mas essa canjica que vc fala é um milho, certo?

    • 17 de junho de 2015 - 17:55

      Meirielle, não sei te dizer exatamente porque aqui no pacote, na minha cidade, só diz “canjica” hahahaha. É um grão branco, no mesmo formato do milho sim. Beijos!

Ju Morgado

Sou uma jornalista com mais paixões do que o tempo me permite cultivar. Descobri na cozinha meu paraíso, meu refúgio depois de um dia cansativo ou estressante. É quase um vício, realmente. Não apenas cupcakes, mas qualquer coisa que eu ache interessante, desafiante ou divertido de fazer. Apesar do nome do blog, não é só de cupcakes que eu vivo. Amo fazer risotos, de todos os sabores, e simplesmente amo qualquer receita que envolva qualquer tipo de queijo.

A história do Cupcakeando

Não sei bem quando ou porquê eu comecei a me interessar por cozinhar. A lembrança mais antiga que tenho é de minha mãe me puxando para a cozinha, para me ensinar a fazer arroz branco, comum, e o molho de macarrão com tomates frescos que só ela sabe temperar.
Tudo que eu sei de cozinha aprendi de um jeito: prática. Minhas receitas são criadas da minha cabeça e implementadas dos meus testes ou então milimetricamente medidas de fontes confiáveis.
Tenho uma verdadeira paixão por cupcakes, pois acho que eles reúnem o que há de melhor na cozinha: manteiga, açúcar, fofurice, capricho e criatividade. Tudo na medida certa para uma pessoa saborear. Gosto de tentar coisas novas com esses pequenos e descobrir jeitos diferentes de decorá-los. Quando não estou fazendo nada, começo a pesquisar e estudar receitas, teorias e decorações de cupcakes. É, isso mesmo, estudar.
O blog também é uma maneira de praticar minha segunda paixão: fotografia. Sou daquelas que, enquanto passeia pelo parque, começa a achar ângulos de fotos que ficariam maravilhosas. Assim como eu estudo gastronomia e culinária, sento para ler sites e livros enormes sobre fotografia.

O gerúndio

Não fale mal dele antes de conhecê-lo melhor. Já ouvi por aí dizerem que jornalista jamais, sob nenhuma circunstância, pode usar o gerúndio. A justificativa fez sentido: “você usa o gerúndio quando não quer dar nenhuma previsão de término para sua a ação”, o que, no jornalismo, é basicamente como deixar o leitor esperando para sempre por aquela obra sanitária que o governo prometeu.
Mas foi exatamente a mesma explicação que me convenceu a usar o gerúndio para o nome do blog: eu não tenho previsão de fim para minha produção de cupcakes, jamais pretendo parar de fazê-los ou de cozinhar em geral. Se não tiver mais encomendas, será para amigos. Se meus amigos enjoarem, será para minha família. Quando minha família me dizer “CHEGA”, será para mim mesma (e talvez meu corgi. Eu tinha uma husky siberiana linda, que infelizmente se foi, mas vai estar sempre na minha memória). Porque é o que eu amo fazer e o que me deixa feliz.

Copyright

Todas as fotos e textos nesse site são produzidos pela confeiteira Ju Morgado, a não ser que esteja especificado o contrário. Eles representam muito trabalho e esforço. Caso deseje utilizar alguma foto ou texto do site, por favor, entre em contato. Ficarei imensamente grata em ajudar, mas é importante dar os devidos créditos. :)

Creative Commons License
Essa obra é licenciada perante a
Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.

Contato

Será que sua pergunta já não foi respondida no FAQ? Dê uma lida nele antes, para ter certeza!

Envie suas dúvidas ou pedidos de encomendas por aqui. Minhas encomendas de cupcakes são apenas para o Distrito Federal (DF). Outros doces e produtos podem ser enviados, a depender do pedido.

Eu respondo a todos os e-mails enviados. Garanta que você receberá minha resposta adicionando o e-mail contato@cupcakeando.com.br na sua lista de endereços seguros, ou minha resposta poderá cair na sua caixa de Spam!