segunda, 20 de outubro de 2014

Blondies com gotas de chocolate e castanhas

27 Comentários

Gente, mas o que está acontecendo nessas eleições? Eu costumava dizer que faltava paixão dos brasileiros com relação a política, mas agora estou achando que estamos fervorosos demais. Tenho presenciado amizades antigas sendo desfeitas porque fulano vai votar em siclano, ou porque beltrano concorda com o que fulano disse no debate.
Minha timeline no Facebook nunca esteve tão claramente dividida. Não há meio termo. Não há quem ache que o partido x é mais ou menos bom, mas tem defeitos. Não. Não. O partido x é UMA PORCARIA SEM TAMANHO, e a única solução é o partido y. Ou então o partido y é UM ANTRO DE CORRUPTOS NOJENTOS, e a única solução é o partido x.
Sério, menos. Pfv todos parem agora.

blondies_gotas_castanhas
Já falei aqui que vivo a vida com moderação, porque acredito de verdade que nada é preto ou branco. Ninguém é a solução pra nada, e ninguém é tão ruim quanto tentam pintar. Isso serve pra qualquer lado, qualquer partido, qualquer candidato.
E gente, apenas parem. Cada um tem o direito de votar em quem quiser. Isso não te torna inimigo imediato da pessoa. Pra mim, o Gregório Duvivier quase ser agredido em um restaurante por dizer que votaria no PT é tão absurdo e abusivo quanto jovens levarem cuspe e serem xingados na rua porque carregam bandeiras do Aécio. Aparentemente, o que o Brasil precisa agora é mais amor e respeito, e não um segundo turno.

blondies_gotas_castanhas2O que acontece quando você tira fotos perto do seu cachorro guloso.
Em nome da paz e das amizades que não deviam acabar por causa de uma situação que ocorre de quatro em quatro anos, um blondie pra todo mundo. Blondies são tipo brownies sem o chocolate. São bem gostosos e, só pra ninguém brigar mais, coloquei gotas ao leite pra deixar ainda mais indulgente.

Blondies com gotas de chocolate e castanhas
Rende: 1 fôrma de 20x20cm ou similar
Receita da Stephanie, do Joy of Baking, com adaptações.

113g de manteiga
1 xícara (110g) de farinha
1/4 de colher de chá de sal
1/2 de colher de chá de bicarbonato de sódio
1 ovo
3/4 de xícara (150g) de açúcar mascavo
1 colher de chá de extrato de baunilha
70g de gotas de chocolate ao leite
70g de castanhas do pará, sem casca

1 – Ligue seu forno em 180˚C. Leve as castanhas para assar por 10 minutos, ou até que comecem a liberar os aromas. Retire, espere esfriar e pique a gosto. Eu prefiro que fiquem bem picadinhas, mas se gostar mais de pedaços maiores, fica a seu critério.
2 – Derreta a manteiga no microondas e reserve. Em uma tigela separada, peneire a farinha, o sal e o bicarbonato e reserve também.
3 – Bata o ovo e o açúcar até que fique bem fofinho, por uns 2 minutos. Adicione a baunilha e a manteiga, tomando cuidado para que não espirre na hora de bater novamente.
4 – Adicione os ingredientes secos e bata novamente, até incorporar tudo. Procure não bater demais e desenvolver o glúten.
5 – Por último, acrescente as castanhas e as gotas de chocolate ao leite. Misture com uma espátula cuidadosamente.
6 – Unte uma fôrma quadrada ou retangular de tamanho aproximado a 20x20cm, e cubra o fundo com papel manteiga. Se quiser, deixe um pouco do papel saindo da fôrma para auxiliar na hora de retirar, como se fosse uma alça.
7 – Despeje a massa, nivele e leve para assar por aproximadamente 28 minutos, ou até que um palito inserido no centro saia limpo, mas ainda úmido. Retire e deixe esfriar dentro da fôrma antes de remover.

blondies_gotas_castanhas3
As gotas podem ser de chocolate branco ou meio amargo, tranquilamente. Se não gostar de castanhas do pará, pode trocar por qualquer outra, ou simplesmente deixar sem, mas a graça de blondie, assim como brownie, é ter alguma coisa pra dar uma crocância.
Corte em quadradinhos e seja feliz. Distribua pros amigos e praquela pessoa que você andou brigando no Facebook por causa dessas eleições, ou entre no meio de alguma disputa absurda dessas e distribua blondies. Se nem doce resolver a briga, então mostra o Freddie nessa foto, porque ele também tem o mágico poder de acabar com discussões, por motivos de: fofura.

Muita gente discutindo no Facebook de vocês também? O que acham disso?

  1. Loiane Cabral
    20 de outubro de 2014 - 10:59

    Eu ia justamente perguntar se blondies eram brownies sem chocolate… rs
    Eu não entro nessas discussões, até por que o voto deveria ser secreto, mas na verdade não vejo muita diferença entre os dois… ambos são bons em algo e ruins em outro. Discutir para que… Eles devem discutir sobre duas propostas cabe a nós analisar e escolher e que seja individual está escolha.

  2. marcia ramacciotti
    20 de outubro de 2014 - 13:24

    estive pensando….vc vai mudar para um apto. e vai levar seu cão lindo ?

    • 27 de outubro de 2014 - 14:57

      Marcia, vou sim. Corgis são ótimos cachorros de apartamento também. :)

  3. Maíra
    21 de outubro de 2014 - 09:12

    Ótima receita, Ju. Eu adoro blondies, até mais do que brownies. E o Freddie ficou uma fofura nas fotos.
    Eu também estou cansada dessas discussões políticas maniqueístas. Não acredito que exista uma verdade absoluta e, nesse caso específico, não acho que nenhum dos lados vá ser a solução completa de todos os nossos problemas. Tenho ficado assustada com o ódio e a intolerância que têm permeado discussões que deveriam ser construtivas e propositivas, principalmente entre amigos. Espero que os blondies consigam adoçar os ânimos!

    • 27 de outubro de 2014 - 14:58

      Maíra, também me assustou o ódio cego das pessoas nessas eleições. Temos antes de tudo que pensar no BRASIL, não é? Um beijo!

  4. Gina
    21 de outubro de 2014 - 09:27

    Juliana, você é uma fofa, seu canino é um fofo e as pessoas que andam discutindo da forma como temos acompanhado não são nada fofas.
    Boa parte do mundo perdeu a noção do que significa respeito e educação, e se isso não for recuperado intimamente, particularmente, chegaremos no ponto final mais rápido do que gostaríamos. Pessoas que se atacam por política, excluem uns aos outros por opções religiosas ou ainda se agridem até a morte por serem de times de futebol diferentes, precisam muito muito repensar a vida.
    Espero que sua(s) receita(s) adoce um pouco mais este mundo.
    Adoro brownie, mas nunca comi blondie. Penso que vou adorar também.
    Obrigada por dividir tanta experiência conosco.

  5. Vivian
    21 de outubro de 2014 - 10:05

    Ai que delíciaaaaa!!!
    Ju, deixa eu fazer uma pergunta meio idiota… Quando você usa as forminhas de papel e sobra (daquelas 10 que sempre vem), como você faz pra que mantenham o formato? Porque eu sempre tento deixar dentro de um copo ou coisa parecida, mas sempre ficam meio abertas..

    • 03 de novembro de 2014 - 16:26

      Vivian, eu as guardo normalmente mesmo, as que eu compro não costumam perder o formato. Mas outras se abrem todas, né? Você pode colocá-las dentro de copos medidores altos, ou dentro de cortadores de biscoito redondos. Beijos!

  6. 22 de outubro de 2014 - 08:57

    Oi, Ju! Ótima receita, obrigada! Vou testar! Quanto ao que você disse sobre política, concordo plenamente! Gente, acorda! Depois que passarem as eleições, viveremos em pé de guerra? Perderemos nossos amigos? Como vamos conviver? O mundo precisa de paz e amor! Ah, e doces! uhuhuhu Bjão, sou fã deste site lindo e cheio de conteúdo!

    • 03 de novembro de 2014 - 16:37

      Juliana, agora está na hora de refazer as amizades, né? Mais paz e amor, menos briga! Hahahaha

  7. 22 de outubro de 2014 - 08:59

    Ah, e acabei esquecendo uma parte do comentário: que demais a foto com o seu amigão canino! Adorei esse focinho de canto! Adoro peludinhos também! Bjs para vocês dois!

  8. Aline
    22 de outubro de 2014 - 14:36

    Ju,
    Sim, já deu e encheu essa briga toda. Eu bloqueei o feed de muita gente no Facebook, não por ser oposta a posição da pessoa, mas porque os posts ofensivos estavam deixando minha timeline pesada demais. Se era sobre Dilma ou Aécio, não sei. Mas pelo menos agora, não vejo tanta coisa.

    Adorei a receita, nada melhor do que um pouco de amor – e fofura! – pra abrandar as coisas.

  9. 22 de outubro de 2014 - 16:02

    Oii Juliana! Cheguei ao teu blog através do Google, quando procurava por uns utensílios para fazer cupcake. Adorei teu site, tuas receitas, dicas e as fotos lindas! Por coincidência, também sou jornalista. Trabalhei em uma afiliada da Globo aqui no RS. Larguei a profissão para fazer outro curso superior. Mas sempre fiz cupcakes. Inclusive, fiz umas vezes para vender. Já recebi encomendas e tudo, hahahaha. Acho tudo isso muito engraçado. No fundo, tenho vontade de encarar, mas dá um medinho de que nada saia bom.
    Enfim, vim elogiar o blog e já peguei umas dicas de buttercream. Vou fazer os cups do chá de fraldas da minha irmã no mês que vem!
    Keep the good job!

    • 03 de novembro de 2014 - 16:39

      Thaís, colega de profissão! Acho que nós jornalistas temos essa tendência de querer explorar outras áreas, não é? Tenho muitos amigos jornalistas que também são assim. Espero que dê tudo certo com seu buttercream, depois me mande fotos! Beijos!

  10. Hevelyn
    23 de outubro de 2014 - 12:43

    Oi, Ju!
    Tudo bem?
    Tb me irrito diariamente com os fervorosos de plantão. Tanto ódio, tanto rancor, não rola pra mim.
    Sobre os blondies…eu achava que eram brownies feitos com chocolate branco! Tem como fazer? Tipo, susbtituir o chocolate meio amargo pelo branco e no lugar do cacau colocar mais um pouco de farinha? Queria tentar…
    Beijo!
    Hevelyn

    • 03 de novembro de 2014 - 17:17

      Hevelyn, acho que vale a tentativa. Geralmente blondie tem açúcar mascavo também, acho que você pode ir testando com essas alterações! Beijos e me conta o resultado!

  11. 23 de outubro de 2014 - 22:02

    Olá Juliana, tudo bem? Ainda não experimentei fazer blondie, vou testar essa receita. Eu li em um comentário seu de post mais antigo que você já comprou uma batedeira pela Amazon e mandou entregar no hotel em que estava hospedada. Estou indo para Orlando em janeiro, mas nunca comprei pela Amazon. Você pode me ajudar com alguma dica, como devo proceder e os cuidados para que tudo dê certo? E a batedeira, você despachou? Obrigada, beijo, Renata.

  12. 24 de outubro de 2014 - 14:57

    Hummm parece delicioso!!

  13. Fernanda
    25 de outubro de 2014 - 09:37

    Olá!
    Ontem fiz sua receita de cupcake com champagne rose, só que ainda não sinto firmeza em fazer a cobertura de buttercream de merengue, então fiz um buttercream simples.
    Minha dúvida é: o cupcake pode ficar fora da geladeira? Aguenta quanto tempo?

    • 17 de novembro de 2014 - 15:45

      Fernanda, pode sim, ele deve ser consumido em temperatura ambiente. Se não estiver quente aí, ele “aguenta” o tempo inteiro. Beijos!

  14. 25 de outubro de 2014 - 19:24

    A massa lembra bastante massa de cookies. Fica parecido? Aliás, bem que você poderia colocar uma receita de cookies aqui, hein Ju? Não aguento mais comer esses cookies sem graça de padaria, ou aquele da Toddy, que é delicioso, mas cheio de gordura hidrogenada.

    • 17 de novembro de 2014 - 15:45

      Fernanda, eu não acho uma receita de cookies que me satisfaça… que tristeza! Mas quando achar, vou colocar aqui sim! :D

  15. 27 de outubro de 2014 - 15:44

    Oi Ju,
    Adorei a receita! Pergunta: acho que as gotas de chocolate são mais práticas né, mas caso não tenha, pode ser usado o chocolate em barra cortado em pedacinho? No caso, pensei em deixar um tempo no congelador para não derreter quando mistura… quando faço cookies uso essa técnica.
    Um abraço!

    • 17 de novembro de 2014 - 16:15

      Larissa, pode sim! Se você usar chocolate, a diferença é que ele vai ficar derretidinho no meio, mas vai ficar uma delícia também! :)

  16. Joanna
    18 de setembro de 2015 - 08:54

    Olá, bom dia! Fiquei com muita vontade de experimentar essa receita. Nela diz que parece um brownie, só que sem chocolate, mas ela também se assemelha a um cookie? To louca atrás de receitas de cookie’s, quando vi a foto achei que fosse kkkkk

    • 28 de setembro de 2015 - 18:06

      Joanna, é mais pra textura de brownie, mas é bem bom! Experimenta! :)

Ju Morgado

Sou uma jornalista com mais paixões do que o tempo me permite cultivar. Descobri na cozinha meu paraíso, meu refúgio depois de um dia cansativo ou estressante. É quase um vício, realmente. Não apenas cupcakes, mas qualquer coisa que eu ache interessante, desafiante ou divertido de fazer. Apesar do nome do blog, não é só de cupcakes que eu vivo. Amo fazer risotos, de todos os sabores, e simplesmente amo qualquer receita que envolva qualquer tipo de queijo.

A história do Cupcakeando

Não sei bem quando ou porquê eu comecei a me interessar por cozinhar. A lembrança mais antiga que tenho é de minha mãe me puxando para a cozinha, para me ensinar a fazer arroz branco, comum, e o molho de macarrão com tomates frescos que só ela sabe temperar.
Tudo que eu sei de cozinha aprendi de um jeito: prática. Minhas receitas são criadas da minha cabeça e implementadas dos meus testes ou então milimetricamente medidas de fontes confiáveis.
Tenho uma verdadeira paixão por cupcakes, pois acho que eles reúnem o que há de melhor na cozinha: manteiga, açúcar, fofurice, capricho e criatividade. Tudo na medida certa para uma pessoa saborear. Gosto de tentar coisas novas com esses pequenos e descobrir jeitos diferentes de decorá-los. Quando não estou fazendo nada, começo a pesquisar e estudar receitas, teorias e decorações de cupcakes. É, isso mesmo, estudar.
O blog também é uma maneira de praticar minha segunda paixão: fotografia. Sou daquelas que, enquanto passeia pelo parque, começa a achar ângulos de fotos que ficariam maravilhosas. Assim como eu estudo gastronomia e culinária, sento para ler sites e livros enormes sobre fotografia.

O gerúndio

Não fale mal dele antes de conhecê-lo melhor. Já ouvi por aí dizerem que jornalista jamais, sob nenhuma circunstância, pode usar o gerúndio. A justificativa fez sentido: “você usa o gerúndio quando não quer dar nenhuma previsão de término para sua a ação”, o que, no jornalismo, é basicamente como deixar o leitor esperando para sempre por aquela obra sanitária que o governo prometeu.
Mas foi exatamente a mesma explicação que me convenceu a usar o gerúndio para o nome do blog: eu não tenho previsão de fim para minha produção de cupcakes, jamais pretendo parar de fazê-los ou de cozinhar em geral. Se não tiver mais encomendas, será para amigos. Se meus amigos enjoarem, será para minha família. Quando minha família me dizer “CHEGA”, será para mim mesma (e talvez meu corgi. Eu tinha uma husky siberiana linda, que infelizmente se foi, mas vai estar sempre na minha memória). Porque é o que eu amo fazer e o que me deixa feliz.

Copyright

Todas as fotos e textos nesse site são produzidos pela confeiteira Ju Morgado, a não ser que esteja especificado o contrário. Eles representam muito trabalho e esforço. Caso deseje utilizar alguma foto ou texto do site, por favor, entre em contato. Ficarei imensamente grata em ajudar, mas é importante dar os devidos créditos. :)

Creative Commons License
Essa obra é licenciada perante a
Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.

Contato

Será que sua pergunta já não foi respondida no FAQ? Dê uma lida nele antes, para ter certeza!

Envie suas dúvidas ou pedidos de encomendas por aqui. Minhas encomendas de cupcakes são apenas para o Distrito Federal (DF). Outros doces e produtos podem ser enviados, a depender do pedido.

Eu respondo a todos os e-mails enviados. Garanta que você receberá minha resposta adicionando o e-mail contato@cupcakeando.com.br na sua lista de endereços seguros, ou minha resposta poderá cair na sua caixa de Spam!