Thursday, 02 de August de 2012

Ombré cupcakes

13 Comments

Desde que comecei a fotografar compulsivamente, descobri a habilidade de perceber pequenas coisas no dia a dia. Se eu pudesse, obrigaria todos que conheço a praticar a fotografia, porque abriu meus olhos para detalhes que antes passavam despercebidos. Percebo como o arranjo de flores no consultório do dentista seria ótimo como plano de fundo de uma receita que estou planejando, mas acaba sendo mais do que isso. É o ato de olhar, além de ver.
Isso me fez refletir sobre o que perdemos com a correria da sociedade atual. Eu, ao contrário, sempre gostei de momentos sem nada para fazer a não ser contemplar algo. Deve ser por isso que gostava tanto de museus, desde os meus 14 anos – idade que ninguém quer saber de quadros pendurados e esculturas velhas.

Ambos Verde ou azul? Gostei mais do azul!
Nessa onda, desenvolvi um fascínio pela combinação de cores. Descobri um site fantástico: o Design Seeds. Diariamente, a autora posta paletas de cores inspiradas a uma imagem. Parece bobo e inútil, mas é interessantíssimo para quem trabalha com artes ou para quem simplesmente gosta de contemplar.

Ombre Cupcakes
Rende: 12 cupcakes

1 receita de cupcakes de baunilha
1 receita de buttercream-sorvete
Corantes alimentícios em gel

1 – Separe a massa de cupcakes em três tigelas. Pingue uma gota de corante na primeira, duas na segunda e quatro na terceira.
2 – Misture com uma colher cada uma. Confira as cores: se achar que quer mais corante em algum deles, acrescente uma gota, mexa e cheque novamente. É mais fácil acrescentar aos poucos do que colocar demais.
3 – Ligue o forno em 180˚C.
4 – Coloque uma colher de chá da massa mais clara em cada forminha. Nivele com as costas da colher. Por cima, coloque uma colher de sopa rasa da massa de tom médio e repita o nivelamento. Finalize com uma colher de sopa cheia da cor mais escura. Essa variação é para manter as camadas uniformes – que foi exatamente o que eu não fiz! -, já que o cupcake é menor no fundo e maior no domo.
5 – Leve ao forno por 18 minutos, girando a fôrma no 12º minuto para garantir que todos assem igualmente. Eles estarão prontos quando um palito inserido no meio de cada um deles sair limpo.

Cobertura:
1 – É só pingar algumas gotas de corante em gel, da cor que mais combine com seus cupcakes, e bater até incorporar tudo. Retire a tigela e limpe as paredes dela para bater mais uma vez, garantindo que todo o corante será misturado.
2 – Coloque no saco de confeitar e decore à vontade!

Bonitinhos!
Esses cupcakes degradês são lindos e ótimos para combinar com as cores de uma festa, por exemplo. Se quiser, ainda dá pra fazer um recheio combinando a cor, como nos meus podia ser de amora! Ficaria lindo!

Que tal parar um pouco durante o dia para observar pequenos detalhes a sua volta?

  1. Helena Mendes Galvão
    02 de August de 2012 - 12:10
  2. Cláudia
    27 de September de 2012 - 17:20

    Esqueceu de dizer se ficaram gostosos… ;(

    • 27 de September de 2012 - 18:07

      Um estouro! Acabaram rapidinho! Hahahaha!

  3. 08 de April de 2013 - 17:13

    Oi Ju! Eu criei um blog de culinária também, tu sem importa eu dar uma olhadinha e me dar alguma dica? Adoro o seu blog, ás vezes até pego umas receitinhas hahaha O meu blog é http://brumadoce.blogspot.com.br/ beijos

    • 10 de April de 2013 - 10:40

      Oi Marina!

      Que lindo seu blog! Gostei!
      Só te peço para dar os créditos para o meu blog quando usar minhas receitas e fotos, ok? Coloque um link pra cá!

      Beijos!

  4. Jana
    16 de August de 2013 - 09:26

    adorei essa idéia de cupcake ombré, estou em busca de um creme mais resistente ao calor. Você tem alguma receita? desde já agradeço. beijos.

    • 27 de August de 2013 - 13:41

      Jana, que tipo de creme você está falando?

  5. Lilian Belletti Jacobi
    07 de August de 2014 - 21:11

    Oi Juliana, tudo bem?
    Como vc consegue chegar nesse tom azul?
    Gostaria de uma sugestão sem ser marshmallow.
    Obrigada
    Lilian

    • 20 de August de 2014 - 21:19

      Lilian, usei azul royal e umas gotinhas de verde e marrom pra fechar a cor. Isso aí não é marshmallow não, é buttercream. Beijos!

  6. Marcia Sant Anna
    19 de October de 2015 - 20:28

    Lindos, feitos com capricho e de muito bom gosto!

  7. Andressa Tavares
    12 de May de 2016 - 22:15

    Ju fiz a receita completa com minha filha de 4 anos, mas foi ombré rosa, e o buttercream sabor sorvete ficou perfeito, com cupcakes minha filha nunca comia a cobertura, dessa vez ela só devorou a cobertura e deixava o cupcake de lado hahah, uma graça ela lambuzada! Obrigada.

Juliana Morgado

I’m a journalist with more passions than time can allow me to have. I have found in the kitchen my paradise, my resting place after a long and exhausting day. It’s my addiction, really. Not only cupcakes but anything that I find interesting, challenging or fun to do. Despite the blog’s name, it’s not all about cupcakes. I love cooking risotto, of all kinds, and I simply love any recipe with cheese.

Cupcakeando’s History

I’m not sure when or why I started to cook. My memories are of my mother putting me in the kitchen and teaching Brazilian white rice and her awesome pomodoro sauce for spaghetti, with fresh tomatoes just the way only she can do. All I know in the kitchen I’ve learned by one way: practice. My recipes are created from my head and implemented with the tests I run, or even meticulously measured from trusted sources.
I have a true passion for cupcakes, because I believe they represent everything that’s good in the kitchen: butter, sugar, cuteness, dedication and creativity. Everything in the right amount for one person.
I enjoy experimenting with these little ones, and finding out new ways do decorate them. When I have nothing better to do, I start researching and studying recipes, theories and decorations for cupcakes. Yeah, study, that’s right.
The blog is also a place for my second passion: photography. I’m that person who keeps looking for angles and shots while walking on the park. I also study the art of photography through websites and books.

The Name

Cupcakeando means, roughly, cupcakeing in Portuguese. The noun “cupcake” is in a verb tense that most well-schooled Brazilians hate because it means an action that will never stop. That’s precisely my intention. I don’t have any wish to stop my cupcake factory anytime soon, or even stop cooking in general. If I don’t have anymore orders, it will be for friends. If my friends get sick of it, it will be for my family. When my family says “ENOUGH”, it will be for myself (and maybe for my Siberian husky and my Pembroke corgi). Because that’s what I love to do and what makes me truly happy.

Copyright

All photos and texts on this website are produced by Cupcakeando, unless specified otherwise. They represent a lot of work and effort. In case you want to use any photo or text from this website, please make sure to link back to me or even get in touch with me before anything. I’ll be glad to help, but it’s important to give the proper recognition. :)

Creative Commons License
This work is licensed under a
Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.

Contact

What if your question has already been answered on the FAQ? Read it just to make sure!

Send your questions or doubts through here.
I answer to each and every e-mail sent to me. Make sure you’ll get my e-mail by adding contato@cupcakeando.com.br to your safe contacts, or my answer might just flip into your spam box.