Tuesday, 10 de September de 2013

Hambúrguer de salmão e maionese caseira

17 Comments

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese.

  1. Jenifer Oliveira
    10 de September de 2013 - 17:41

    Que delicia Ju, com certeza vou fazer! Mas acho que a maionese sera meu namorido que vai fazer… rsrs Beijos!

  2. 11 de September de 2013 - 09:09

    Eu amo salmão! Vou fazer essa sua receita qualquer dia desses.
    Ficou linda!
    Beijos

    • 13 de September de 2013 - 00:25

      Depois me diz se gostou, Sara! Eu achei uma delícia, e o toque de gengibre ficou ótimo! :)

  3. Simone
    11 de September de 2013 - 09:21

    Hummm… amo salmão, e esse hambúrguer deve ter ficado divino! Vou fazer!!! Beijos!

  4. Camila
    11 de September de 2013 - 12:00

    Jú, sei exatamente o que você passou!
    Na páscoa deste ano, fiz ovos de colher… estava tudo certo: fiz as cascas com antecedência, separei embalagens e laços e deixei para rechear no dia anterior à entrega, afinal queria tudo fresquinho.
    O problema foram as encomendas de última hora, que aceitei pois “estava tudo adiantado”. Depois, lá estava eu, fazendo pão-de-ló às 4hs da madruga!!! kkkkkkkk

  5. ana cleide cerveira lima
    11 de September de 2013 - 12:55

    Hum, estava esperando umas receitas de sanduíches pra incrementar lanche de minha turma. Se tiveres outras sugestões ficarei muito grata.
    Juliana, como sempre, as tuas receitas ficam uma delicia!!!

    Bom fim de semana.

  6. Sâmia
    11 de September de 2013 - 13:55

    Que deliciaaaaa! Vou testar assim que tiver tempo.
    Eu frequentemente madrugo. Por conta dos estudos. Quem quer área da saúde é assim… Madrugo agarrada no Atlas de Anatomia decorando todos os nomezinhos lindos… E acredite: acostuma. Hoje se eu durmo 8 hrs seguidas fico muito mal. Hahahaha. Beijinho.

  7. Katia Monticelli
    20 de September de 2013 - 17:19

    Olá Juliana!
    Estou escrevendo para te dar os parabéns pelo site, estou impressionada com as fotos e a qualidade das receitas que vc apresenta, muito profissional, eu adoro ambos, comida e fotografia e quando vejo um trabalho tão bem feito não consigo ficar sem elogiar rsrs!
    Um abraço

    Katia

    • 22 de September de 2013 - 19:45

      Katia, muito obrigada pelos elogios! Espero que continue visitando sempre o blog! Beijos!

  8. Fernanda
    22 de October de 2013 - 09:30

    Ju,
    Como já disse em outro comentário, estou amando o seu blog e testando algumas receitas!
    Adorei o hambúrguer! Já faço de carne moída há algum tempo, mas nunca tinha pensado em fazer de salmão. Ficou uma delícia!
    Quanto a maionese, eu tenho uma sugestão: bata com um mixer, mas neste caso o ideal é fazer num pote com um diâmetro menor para não desandar. Sugiro, também, que coloque um pouquinho de vinagre ou limão que são conservantes naturais e deixam a maionese mais branquinha.
    Bjinhos

    • 08 de November de 2013 - 18:02

      Fernanda, vou seguir teus conselhos! Obrigada! E obrigada por acompanhar o blog! Beijo grande :)

  9. 20 de January de 2014 - 08:14

    […] adição de mostarda. Se tiver, não serve. É preciso uma maionese pura mesmo! Se quiser usar uma caseira, melhor ainda. Essa receita está cheia de medidas quebradas porque peguei uma receita de bolo e […]

  10. 03 de March de 2014 - 11:41

    […] vegetarianos com um Hambúrguer de Grão de Bico e Ricota. Cupcakeando com um belíssimo Hambúrguer de Salmão. Conversando e Cozinhando traz o tradicional Hambúrguer de carne, porém, acompanhado de uma […]

  11. Patricia
    01 de April de 2014 - 17:54

    Olá Ju! Adoroooooo seu blog… acho suas receitas muito bem explicadas, além de gostosas!
    Uma dúvida: nesse hamburguer posso tirar o gengibre? Eu não posso comer… Se tirar faz muita diferença?
    Bjus

    • 02 de April de 2014 - 14:04

      Patricia, pode fazer sem o gengibre, ele só dá um gostinho a mais! :) Beijos!

  12. Marina
    29 de October de 2015 - 17:39

    Dá pra fazer a maionese na batedeira?

    • 17 de November de 2015 - 09:58

      Marina, batedeira eu acho meio complicado, só se você tiver uma batedeira muito pequena. Uma planetária não vai dar muito certo. Mais garantido fazer no liquidificador.

Juliana Morgado

I’m a journalist with more passions than time can allow me to have. I have found in the kitchen my paradise, my resting place after a long and exhausting day. It’s my addiction, really. Not only cupcakes but anything that I find interesting, challenging or fun to do. Despite the blog’s name, it’s not all about cupcakes. I love cooking risotto, of all kinds, and I simply love any recipe with cheese.

Cupcakeando’s History

I’m not sure when or why I started to cook. My memories are of my mother putting me in the kitchen and teaching Brazilian white rice and her awesome pomodoro sauce for spaghetti, with fresh tomatoes just the way only she can do. All I know in the kitchen I’ve learned by one way: practice. My recipes are created from my head and implemented with the tests I run, or even meticulously measured from trusted sources.
I have a true passion for cupcakes, because I believe they represent everything that’s good in the kitchen: butter, sugar, cuteness, dedication and creativity. Everything in the right amount for one person.
I enjoy experimenting with these little ones, and finding out new ways do decorate them. When I have nothing better to do, I start researching and studying recipes, theories and decorations for cupcakes. Yeah, study, that’s right.
The blog is also a place for my second passion: photography. I’m that person who keeps looking for angles and shots while walking on the park. I also study the art of photography through websites and books.

The Name

Cupcakeando means, roughly, cupcakeing in Portuguese. The noun “cupcake” is in a verb tense that most well-schooled Brazilians hate because it means an action that will never stop. That’s precisely my intention. I don’t have any wish to stop my cupcake factory anytime soon, or even stop cooking in general. If I don’t have anymore orders, it will be for friends. If my friends get sick of it, it will be for my family. When my family says “ENOUGH”, it will be for myself (and maybe for my Siberian husky and my Pembroke corgi). Because that’s what I love to do and what makes me truly happy.

Copyright

All photos and texts on this website are produced by Cupcakeando, unless specified otherwise. They represent a lot of work and effort. In case you want to use any photo or text from this website, please make sure to link back to me or even get in touch with me before anything. I’ll be glad to help, but it’s important to give the proper recognition. :)

Creative Commons License
This work is licensed under a
Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.

Contact

What if your question has already been answered on the FAQ? Read it just to make sure!

Send your questions or doubts through here.
I answer to each and every e-mail sent to me. Make sure you’ll get my e-mail by adding contato@cupcakeando.com.br to your safe contacts, or my answer might just flip into your spam box.