Thursday, 05 de May de 2016

Cupcakes de churros, e uma tag de filmes

29 Comments

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese.

  1. Angélica Costa
    05 de May de 2016 - 09:00

    A sequência de Dogville, Manderlay, também é excelente!

  2. Juliana
    05 de May de 2016 - 11:45

    Que receita maravilhosa! Saudades de tentar fazer suas receitas de cupcakes hahaha. :)
    Ju, para a cobertura, se eu quiser substituir o chocolate meio amargo pelo ao leite, devo alterar a quantidade de creme de leite? Bjs!

    • 05 de June de 2016 - 21:07

      Juliana, precisa sim, você vai ter que usar bem menos creme de leite, tente cortar pela metade e veja a consistência, depois aumente se achar necessário. Beijos!

  3. Gabriel
    05 de May de 2016 - 13:51

    Ju, tudo bem??

    Já fui pesquisar os filmes que não vi! kkk Alguns já assisti. Um filme pra ver sozinho e morrer de agonia é Rush: A Morte Ouve. Vale a pena assistir, este tem no Netflix também.

    Quero fazer essa receita! Já me pediram cupcake de churros e não fazia ideia de como fazer. Vou testar!

    Beijos

  4. Gabriel
    05 de May de 2016 - 13:52

    Ha! Escrevi errado! O certo é:
    Hush – A Morte Ouve

    • 05 de June de 2016 - 21:07

      Biel, vou assistir! Ele é de terror? Espero que não, porque eu tenho medinho hihihi.

  5. Luane
    05 de May de 2016 - 14:59

    Oi Juu!

    Esses cupcakes parecem ser maravilhosos, vou tentar fazer com certeza!
    me diz uma coisa, qual foi o bico que você usou?
    Bjos!

    • Raquel
      16 de May de 2016 - 16:41

      Também quero saber qual foi o bico usado.
      Juliana, quebra mais esse galho por favor? rsrs

    • 05 de June de 2016 - 21:25

      Luane, o bico não tem marca, é um pitanga aberto com vários dentinhos! :)

  6. 05 de May de 2016 - 15:23

    Que delícia de receita Ju.
    Mas vim comentar mesmo é que você TEM que assistir “Antes da Meia-Noite” tipo hoje… rsrsrsrs…. e se possível assista os 3 juntos… fiz isso recentemente (sou super fã da trilogia) e me tocou profundamente.
    Bjo

  7. Alessandra
    06 de May de 2016 - 02:02

    Um filme para assistir para se sentir bem: The Lunchbox. É o filme mais sensível que assisti nos últimos tempos (está em cartaz no Telecine Cult), além de ser literalmente uma delícia porque tem como pano de fundo comida, no caso indiana. Dá quase para sentir o cheiro quando a moça (linda!) está cozinhando, e o gosto quando o homem que come a marmita aprecia a comida. A gente ri, chora, torce e se arrepia quando as personagens descobrem o prazer de viver. Outro que adorei e está no Netflix chama-se Chinese Take-Out, com a interpretação fabulosa do argentino Ricardo Darín.

    A propósito, Crash está entre os meus favoritos, mas não é de hoje que meio aloprada com cinema americano. Em compensação, estamos viciados em vários seriados…

    Beijos!

    • 05 de June de 2016 - 21:34

      Alessandra, adorei as indicações relacionadas com comida! Hahahaha! Estão na lista agora! :)

  8. Angélica
    06 de May de 2016 - 12:19

    Adorei suas escolhas, mas duas em particular: Chelsea does é incrível, talvez eu seja suspeita pra falar pois sempre a acompanhei no E!. Estou louca pra assistir o talk show dela que vai estrear na Netflix <3
    Já Kramer vs Kramer é lindo e muito pra frentex mesmo sendo feito nos anos 70, assistindo hoje ainda é atual e dinâmico.
    Bjos

  9. Daniela
    06 de May de 2016 - 13:28

    Meu Deus! Eu simplesmente não suporto “Dogville”.
    Assisti (acompanhada) e traumatizei! Sei que tem todo um pano de fundo, questionamentos e afins, mas olha… Não dá, não desce! De fato, esse filme é para um público específico!
    Agora “Valente” é o desenho que minha mãe AMA! Eu perdi as contas de quantas vezes ela assistiu em 2015 e quantas vezes vimos juntas *.*
    Esse cupcake está com uma cara ótima <3

    • 05 de June de 2016 - 21:37

      Daniela, mas é isso mesmo! Por isso eu assisto Dogville sozinha, porque é um filme MUITO específico né? Hahahaha

  10. Evellyn
    06 de May de 2016 - 14:48

    Que receitsa maravilhosa! Vou tentar! Obrigada pelas dicas de filme Ju, passei minha infância assistindo Mogli mas nunca gostei também, como grande fã da Disney tive que ir assistir o live action e é BEM MELHOR do que a animação, acho que vale a pena você ver! Só não assista dublado por causa das músicas, a voz do mogli dublada é péssima.

    • 05 de June de 2016 - 21:37

      Evellyn, o live action tem músicas também? Nem sabia! Hahahahah

  11. 06 de May de 2016 - 19:13

    Aiii que lindo recebi várias visitas lá no meu blog vindo daqui <3 obrigada por indicar!
    Crash é o filme mais tapa na cara de todos né?
    Mogli era meu filme preferido na infãncia :~ hahaha
    Eu amei Guardiões da Galáxia tb, já assisti mil vezes.
    Assisti Valente com minha mãe pelo mesmo motivo que tu quer assistir com a tua e ela odiou, achou que a Merida foi muito má e desrespeitosa com a mãe querendo que ela mudasse. AHAHAHAHA fail.

    • 05 de June de 2016 - 21:38

      Cacá, seu blog merece, adoro! :) Crash é tipo OLHA SÓ COMO O MUNDO GIRA na nossa cara. Talvez Valente com minha mãe causasse a mesma reação, hahaha, perigoso! Vou me atentar pra isso e quem sabe escolher um outro filme pra ela hahaha…

  12. Nathália Lisboa
    11 de May de 2016 - 16:05

    Oi Juliana, tudo bem? Eu mandei a pergunta no local errado kkkk vou repetir aqui. Se eu fizer esta receita em forma de mini cupcakes, por quanto tempo devo assá-los?

    • 05 de June de 2016 - 21:51

      Nathália, uns 9 ou 10 minutos é suficiente, mas vá checando quando bater 8 min. Beijos!

  13. Talita
    16 de May de 2016 - 02:43

    Adorei suas indicações de filmes, sou uma pessoa que assisto muitos filmes. Gosto de séries também, tenho paixão por algumas, mas não vejo muitas, então acho que no quesito ”gostar mais” escolho filmes. Gosto muito de assisti-los com meu namorado, já vi vários ao lado dele, como os filmes de Star Wars (fomos no cinema ver o novo), Pulp Fiction, Shutter Island (minha cabeça quase exlodiu com esse), a trilogia The Godfather, e nosso preferido, Clube da Luta ( não vimos bêbados rsrs), e achei super legal o que você disse sobre assistir filmes e até documentários com o namorado, fortalece o relacionamento à dois, pois você escuta e procura entender o posicionamento do seu companheiro sobre os diversos assuntos que se vê nos filmes, sem contar que é muito bom quando a pessoa gosta do mesmo filme que você!

    • 05 de June de 2016 - 22:02

      Talita, é isso mesmo! Afinal pra fazer um relacionamento dar certo, você precisa conhecer a outra pessoa, né? Acho super válido! Acredita que nunca vi Pulp Fiction? Eu sei, shame on me. Vou ver!

  14. Cintia
    23 de September de 2016 - 12:05

    Ju. Adorei as indicações. Alguns eu já vi. Outros já anotei na lista rsrs.

    Uma perguntinha…. Essa massa fica boa para naked de churros? O que acha?

    Obrigada.

    Bjs

  15. Aline
    31 de October de 2016 - 09:58

    Juliana pra ter um melhor resultado eh melhor empregar oleo de soja ou manteiga mesmo?

    • 13 de December de 2016 - 10:52

      Aline, se você está perguntando da massa do cupcake, manteiga é diferente de óleo, que é líquido. Essa receita é feita pra usar a técnica amanteigada, se você usar óleo não vai ter a mesma consistência ou textura. Beijos!

Juliana Morgado

I’m a journalist with more passions than time can allow me to have. I have found in the kitchen my paradise, my resting place after a long and exhausting day. It’s my addiction, really. Not only cupcakes but anything that I find interesting, challenging or fun to do. Despite the blog’s name, it’s not all about cupcakes. I love cooking risotto, of all kinds, and I simply love any recipe with cheese.

Cupcakeando’s History

I’m not sure when or why I started to cook. My memories are of my mother putting me in the kitchen and teaching Brazilian white rice and her awesome pomodoro sauce for spaghetti, with fresh tomatoes just the way only she can do. All I know in the kitchen I’ve learned by one way: practice. My recipes are created from my head and implemented with the tests I run, or even meticulously measured from trusted sources.
I have a true passion for cupcakes, because I believe they represent everything that’s good in the kitchen: butter, sugar, cuteness, dedication and creativity. Everything in the right amount for one person.
I enjoy experimenting with these little ones, and finding out new ways do decorate them. When I have nothing better to do, I start researching and studying recipes, theories and decorations for cupcakes. Yeah, study, that’s right.
The blog is also a place for my second passion: photography. I’m that person who keeps looking for angles and shots while walking on the park. I also study the art of photography through websites and books.

The Name

Cupcakeando means, roughly, cupcakeing in Portuguese. The noun “cupcake” is in a verb tense that most well-schooled Brazilians hate because it means an action that will never stop. That’s precisely my intention. I don’t have any wish to stop my cupcake factory anytime soon, or even stop cooking in general. If I don’t have anymore orders, it will be for friends. If my friends get sick of it, it will be for my family. When my family says “ENOUGH”, it will be for myself (and maybe for my Siberian husky and my Pembroke corgi). Because that’s what I love to do and what makes me truly happy.

Copyright

All photos and texts on this website are produced by Cupcakeando, unless specified otherwise. They represent a lot of work and effort. In case you want to use any photo or text from this website, please make sure to link back to me or even get in touch with me before anything. I’ll be glad to help, but it’s important to give the proper recognition. :)

Creative Commons License
This work is licensed under a
Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.

Contact

What if your question has already been answered on the FAQ? Read it just to make sure!

Send your questions or doubts through here.
I answer to each and every e-mail sent to me. Make sure you’ll get my e-mail by adding contato@cupcakeando.com.br to your safe contacts, or my answer might just flip into your spam box.