Monday, 18 de January de 2016

Confeitaria 101: guardando a massa na geladeira

14 Comments

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese.

  1. Gabriel Miossi
    18 de January de 2016 - 14:42

    Oi Ju, tudo bem?
    Você tentou fazer o teste com os cupcakes já assados? Eu fiz, guardei em potes bem fechados, tanto na geladeira, como no freezer e não obtive bons resultados. Ficaram com aquele gosto de geladeira, mesmo estando bem fechados. Não sei se realmente não ficam bons ou se eu fiz da forma errada. Fazendo sem assar a massa eu nunca tentei mas achei uma ótima, pra poupar tempo.

    Beijos.

    • 25 de January de 2016 - 22:49

      Biel, eu já guardei os bolinhos já assados alguns dias na geladeira sim, embaladinhos inclusive em separado, cada um num plástico filme. Mas também não gostei do resultado, eles terminaram muito secos e duros.

  2. Aline
    18 de January de 2016 - 15:09

    Oi Ju td bem?
    Bom, compartilhando da minha experiencia com cupcake de chocolate, quando eu fiz e deixei a massa na geladeira enquanto assava a primeira fornada notei que o tempo de cocção da que ficou na geladeira foi bem maior (+- 60 min.) e o bolinho ficou um desastre. Depois disso nunca mais repeti a experiencia. Hoje lendo seu post pensei que talvez pudesse ter acontecido o desastre porque na massa havia fermento e não bicardonato.
    Pode ser q

    • 25 de January de 2016 - 22:50

      Aline, mas o tempo de cocção da massa aumenta se você colocar ela gelada no forno. Porque a massa vai demorar para efetivamente começar a cozinhar, já que está gelada. O ideal é deixar chegar em temperatura ambiente antes de assar.

  3. Alessandra
    18 de January de 2016 - 16:57

    Oi Juliana,

    Não ficou muito claro para mim o resultado sobre o o cupcake assado e guardado na geladeira. Já aconteceu de eu ter que refrigerá-lo por causa do recheio ou cobertura porque não daria tempo de fazê-lo na hora e, invariavelmente, fica ressecado e com gosto de geladeira – cujo conceito meu marido não compreende aliás, sempre me pergunta se eu já comi geladeira rsrsrs. Nuca tentei congelar… mas acredito que um cupcake fresquinho é insubstituível, para quem não tem paladar apurado até passa, mas para a gente que tira do forno e não aguenta nem esperar esfriar para ver se ficou bom, não engana muito.

    Beijos!

    • 25 de January de 2016 - 22:52

      Alessandra, um cupcake fresquinho sem sombra de dúvida é muuuuito melhor! Então, o cupcake que já estava assado e que eu mantive na geladeira ficou levemente seco, sim, porque ficou muito tempo já pronto. Mas eu considerei isso na hora do teste de sabor – afinal, eu já tinha comido um ou dois da fornada do que estava guardado na geladeira hahahahaha.

  4. Andreza
    19 de January de 2016 - 09:40

    Oi Ju, eu sempre tenho pronta massa de chocolate e cenoura, deixo no freezer e quando preciso vai para a geladeira uns dois dias antes para ir descongelando sem formar muita água na tampa do pote e fica tudo perfeito, é uma ” mão da roda”.

    • 25 de January de 2016 - 22:52

      Andreza, jura? E já são congelados com o fermento?

      • Andreza
        02 de February de 2016 - 11:36

        Juro!! Conhece a doceira Isamara Amâncio? Faço meus cursos com ela e foi a própria que recomendou o congelamento da massa, já congelei umas massas tuas também e ficam ótimas. A massa do red que não gosto de congelar porque já percebi que não ficam tão macios depois de assados, mas as demais ficam ótimas, até a massa de pão de mel da certo.

        • 10 de February de 2016 - 08:12

          Andreza, eu só cheguei a refrigerar, e não a congelar. Acho que para o de baunilha, como foi visto aí, congelar teria o mesmo resultado. Mas o de chocolate é promissor, talvez eu passe a congelar também! Beijos!

  5. Mari
    19 de January de 2016 - 16:51

    Ju, nunca deixei tanto tempo na geladeira! Mas eu só tinha uma forma grandona de bolo redondo e sempre que eu precisava fazer um bolo de camadas e tava com preguiça de bater várias vezes, batia tudo de uma vez, guardava o que não tava assando na geladeira e só usava depois de assar, esfriar, desenformar, lavar tudo e por pra assar de novo! Nunca deu errado, mas era no máximo 3h, sei lá… Ah! E sempre massa com fermento químico mesmo.
    Mas como disse a Alessandra aqui em cima, minha dúvida é sempre com o bolo assado. Quando o recheio é de mousse, chantilly… e tem que ficar na geladeira e não quero o bolo ressecado. Aliás, no Rio de Janeiro, se você colocar morango no bolo, já tem que refrigerar pra eles não derreterem… hahahaha

  6. Rejane
    31 de January de 2016 - 12:09

    Hola Ju, eu ja fiz uma vez uma dica da Anna Olson, congelar os cupcakes ainda crus e tirar do congelador direto pro forno, e deu certo.

  7. Kátia Dias
    28 de October de 2018 - 16:26

    Oi Ju! É um prazer estar mandando essa mensagem pra você que foi minha grande inspiração e fonte de conhecimento no começo da minha carreira de confeiteira. Na época (6 anos atrás) estava à procura de informações sobre cupcakes e você era uma das poucas que falava sobre a massa, sobre o tipo de modelagem em pasta e outras coisas mais. Me lembro que frequentemente visitava seu blog. Por isso, muito obrigada de coração, fez parte de uma transformação na minha vida! Enfim, eu desenvolvi uma massa de cupcake que tirei daqui do seu blog, ela é um sucesso! E quando faço as encomendas e sobra massa, congelo. Funciona perfeitamente! O sabor e textura são idênticos a massa fresca. Faço isso ha uns 5 anos e me ajuda muito no controle de material, pois antigamente eu sempre dava para os vizinhos as sobras dos cupcakes assados, rsrs. Hoje, fazendo uma pesquisa sobre isso, achei novamente seu blog e muitas lembranças vieram. Hoje faço também o que você faz, repassar informação, só que no meu caso é em um canal no YouTube. Bjs

    • 06 de March de 2019 - 19:18

      Kátia querida, que coisa linda ler seu comentário :) Fico feliz por ter te ajudado nessa empreitada! E realmente, repassar informação é uma coisa linda. Vou atrás do seu canal! :)

Juliana Morgado

I’m a journalist with more passions than time can allow me to have. I have found in the kitchen my paradise, my resting place after a long and exhausting day. It’s my addiction, really. Not only cupcakes but anything that I find interesting, challenging or fun to do. Despite the blog’s name, it’s not all about cupcakes. I love cooking risotto, of all kinds, and I simply love any recipe with cheese.

Cupcakeando’s History

I’m not sure when or why I started to cook. My memories are of my mother putting me in the kitchen and teaching Brazilian white rice and her awesome pomodoro sauce for spaghetti, with fresh tomatoes just the way only she can do. All I know in the kitchen I’ve learned by one way: practice. My recipes are created from my head and implemented with the tests I run, or even meticulously measured from trusted sources.
I have a true passion for cupcakes, because I believe they represent everything that’s good in the kitchen: butter, sugar, cuteness, dedication and creativity. Everything in the right amount for one person.
I enjoy experimenting with these little ones, and finding out new ways do decorate them. When I have nothing better to do, I start researching and studying recipes, theories and decorations for cupcakes. Yeah, study, that’s right.
The blog is also a place for my second passion: photography. I’m that person who keeps looking for angles and shots while walking on the park. I also study the art of photography through websites and books.

The Name

Cupcakeando means, roughly, cupcakeing in Portuguese. The noun “cupcake” is in a verb tense that most well-schooled Brazilians hate because it means an action that will never stop. That’s precisely my intention. I don’t have any wish to stop my cupcake factory anytime soon, or even stop cooking in general. If I don’t have anymore orders, it will be for friends. If my friends get sick of it, it will be for my family. When my family says “ENOUGH”, it will be for myself (and maybe for my Siberian husky and my Pembroke corgi). Because that’s what I love to do and what makes me truly happy.

Copyright

All photos and texts on this website are produced by Cupcakeando, unless specified otherwise. They represent a lot of work and effort. In case you want to use any photo or text from this website, please make sure to link back to me or even get in touch with me before anything. I’ll be glad to help, but it’s important to give the proper recognition. :)

Creative Commons License
This work is licensed under a
Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.

Contact

What if your question has already been answered on the FAQ? Read it just to make sure!

Send your questions or doubts through here.
I answer to each and every e-mail sent to me. Make sure you’ll get my e-mail by adding contato@cupcakeando.com.br to your safe contacts, or my answer might just flip into your spam box.