quinta, 30 de outubro de 2014
Cupcakes Floresta Negra

Alguém me perguntou nos comentários se eu vou levar o Freddie quando eu me mudar pro apartamento. Sim, claro! Como posso me separar do meu filho?
Mas o Freddie é um cão meio doido. Ele é guloso, então tudo que cai no chão é automaticamente aspirado. Tudo que mostra uma pequena pontinha em cima da bancada o leva à loucura querendo alcançar. Sem contar as horas que ele surta e começa a correr de um lado pro outro sem motivo aparente. Ah, ele ingere coisas não-comestíveis também, como galhos, rodapés e insetos mortos se estiverem disponíveis.
Parte disso eu quero controlar porque é apenas desobediência, já que eu e o Sr. Namorado não temos tanto tempo livre para adestrá-lo (e porque ele mima o cãozinho dizendo que não resiste à carinha fofa). Ele precisa obedecer mais aos comandos e criar limites de comportamento pra poder ficar sozinho no apê sem me matar diariamente de preocupação.
Além da comilança, ele também tem um grave problema de interação com outros cães. Ele adora brincar, e, quando vê outros cães, ele esquece de tudo em volta. Temos medo de um dia a coleira arrebentar e ele sair maluco pela rua com carros atrás de outro cão que ele viu.

cupcake_floresta_negra
Um dia, visitamos uma feira gourmet para cães aqui em Brasília e o levamos. Lá, cheio de cães, Freddie ficou maluco, é claro. Então, um anjo escondido no corpo de uma adestradora simpática nos abençoou com seus poderes e em 2 minutos fez com que ele ficasse parado ao invés de surtado.
Essa moça trabalha o adestramento positivo, que é o que eu e o Sr. Namorado aplicamos com o Freddie. Ela disse que precisa de duas sessões com o cão e os donos para resolver os problemas de comportamento. Infelizmente, até hoje não tivemos tempo para marcar com ela, mas a minha ideia é deixá-lo um cão mais calmo num geral, mas sem perder o jeitinho crazy dele que já é da personalidade dele. Assim, ele vai poder ficar quietinho no apê em momentos que eu não estiver lá.
E claro, ele vai ganhar um/uma irmão/irmã para fazer cia a ele. Um dia!

cupcake_floresta_negra3
O cupcake de hoje é o clássico Floresta Negra, porque o nome combina com o Halloween e porque é gostoso. Gostei bastante da textura desse cupcake, e as cerejas no meio não tiram o sabor da massa, mas acrescentam!

Cupcakes Floresta Negra
Rende: 12 cupcakes
Receita por Annie’s Eats, com adaptações.

1/4 de xícara (53ml) de água fervente
1/4 de xícara (25g) de cacau
1 xícara (135g) de farinha
1/4 de colher de chá de fermento
1/2 colher de chá de bicarbonato de sódio
uma pitada de sal
115g de manteiga
2 ovos
1 colher de chá de extrato de baunilha
3/4 de xícara (145g) de açúcar
1/3 de xícara (86ml) de buttermilk
80g de cerejas em calda, picadas

1 – Ligue seu forno em 180˚C. Em uma tigela, peneire a farinha, o fermento, o bicarbonato e o sal. Em outra tigela, misture a água fervente e o cacau até que não tenha mais grumos. Reserve até esfriar bastante, preferencialmente chegando a temperatura ambiente.
2 – Bata a manteiga e o açúcar até que fique bem fofo e mais claro. Adicione os ovos, um por um, batendo bem. Adicione também o extrato de baunilha e bata novamente.
3 – Quando a mistura de cacau estiver mais fria, adicione à manteiga e bata. Se estiver muito quente, ela vai derreter a manteiga.
4 – Alterne a adição dos ingredientes secos e do buttermilk, terminando com os secos. Bata somente até incorporar tudo.
5 – Com uma espátula, misture as cerejas picadas dentro da massa. Nesse ponto, eu inclusive acrescentei um pouco da calda, coisa de uma ou duas colheres de sopa. Não fez uma diferença gritante, mas achei que ficou gostoso.
6 – Divida entre as forminhas e leve para assar por 18 minutos, ou até que um palito inserido em cada cupcake saia limpo.

Cobertura
1 xícara de creme de leite fresco
1 colher de chá de gelatina sem sabor em pó
4 colheres de chá de água gelada
3 colheres de sopa de açúcar impalpável

1 – Deixe sua tigela e seus batedores na geladeira por 10 minutos. Enquanto isso, hidrate a gelatina na água gelada. Se você não sabe como, assista a Dani Noce ensinando tudo sobre gelatina aqui. Depois, leve a gelatina para o microondas por 15 segundos, até derreter, e reserve.
2 – Bata o creme de leite fresco na tigela gelada até começar a encorpar. Adicione neste ponto o açúcar e a gelatina e volte a bater imediatamente, até chegar ao ponto de chantilly. Cuidado para não passar e fazer manteiga sem querer.

cupcake_floresta_negra2
Decore seus cupcakes com o chantilly, com a voltinha que preferir. Eu optei pelo bico redondo da Wilton, o 1A. Lá no topo, porque é Halloween, vai a aranha que fizemos no post anterior. E porque é Halloween, o vermelho combina, então as cerejas no topo também ficam bonitas! Uma mesa inteira com essa mistura aranha-cereja, e um pano preto embaixo, fica show.
Como é chantilly, o ideal é manter o cupcake na geladeira até a hora de servir. Quando colocar na mesa, aí sim decore com a aranha. Se ela for para a geladeira, vai se desfazer com a umidade. Aproveite o combo chocolate + cereja que nunca é demais.

Vocês que tem cães, moram em apartamento ou casa? Morrem de medo de chegar e ter algo destruído?

2 comentários
Veja Também:
2comentários
segunda, 27 de outubro de 2014
Pasta americana: aranhas

Ta chegando o Halloween, né! Época de festa a fantasia, coisas laranjas, vermelhas e pretas e muita abóbora. Esse ano no blog vou fazer uma decoração simples pra vocês: aranhas. E sério que não tem nada mais fácil que essa aranha. De novo, eu não faço olhinhos porque acho mais delicado o minimalismo. Mas fique a vontade!
Juro de pé junto que você só precisa de duas coisas pra fazer essas aranhas.

aranha_halloween_pasta_americana
Você precisa de:
Pasta americana preta
CMC

passoapasso_aranha_halloween
1 – Pra começar, faça uma bola maior e outra menorzinha. A proporção que eu mantive foi de 1 pra maior e 1/3 pra menor. As medidas desse tapetinho da Wilton que eu uso são 2,5cm para cada inch – ou seja, cada quadradinho tem 2,5cm x 2,5cm aí na foto. Depois, com um pouquinho de água, cole a cabeça e a bundinha gigante da aranha.
2 – Depois, separe uma bolinha do tamanho de um desses quadradinhos, mais ou menos 2,5cm, e salpique por cima aproximadamente 1/4 de colher de chá de CMC. Eu faço no olho mesmo. Depois é só sovar o CMC na massa até que esteja tudo bem incorporado.
3 – Em seguida, separe bolinhas dessa pasta com CMC e comece a abri-las entre os dedos para fazer as patinhas da aranha. Elas têm que ser finas, mas nem tanto senão vão quebrar com muita facilidade. Tente fazer uma das pontas mais “afiada”, mas se não conseguir não tem problema.
4 – Logo que terminar de abrir uma patinha, divida-a mentalmente em três partes e dobre-a com cuidado, como na foto. A ponta mais afiada que falei antes deve ficar para o menor lado, porque a ideia é espetá-la nas aranhas depois. Deixe tudo secando por umas três horas, ou a noite para terminar no dia seguinte.
5 – Quando as patinhas estiverem bem firmes, é só espetar 4 de cada lado. Não esqueçam que aranhas tem 8 patas. Confesso que eu tive que olhar no google pra ter certeza. Não tem vergonha nisso, ok?

aranha_halloween_pasta_americana2
Aí é só deixar a aranha esperando um cupcake delicioso para escalar. Com cuidado, porque as patinhas são bem frágeis por serem tão finas. Esse cupcake de Halloween chega já já, aguardem!

Dicas:
– O CMC vende em lojas especializadas em confeitaria.
– É mais fácil trabalhar nas patinhas logo assim que você mistura o CMC na pasta, antes dele “fazer efeito”. Depois, a pasta começa a secar e endurecer muito rápido.

3 comentários
Veja Também:
3comentários